AVISO


OS COMENTÁRIOS, E AS PUBLICAÇÕES DE OUTROS
NÃO REFLETEM NECESSARIAMENTE A OPINIÃO DO ADMINISTRADOR DO "desenvolturas e desacatos"

Este blogue está aberto à participação de todos.


Não haverá censura aos textos mas carecerá
obviamente, da minha aprovação que depende
da actualidade do artigo, do tema abordado, da minha disponibilidade, e desde que não
contrarie a matriz do blogue.

Os comentários são inseridos automaticamente
com a excepção dos que o sistema considere como
SPAM, sem moderação e sem censura.

Serão excluídos os comentários que façam
a apologia do racismo, xenofobia, homofobia
ou do fascismo/nazismo.


terça-feira, 18 de setembro de 2018

ASSIM ERA O JEEP VOADOR FABRICADO PELO EXÉRCITO AMERICANO





Há poucas pessoas neste mundo que se perguntam: 
"O que aconteceria se fabricasse um jeep que pudesse voar?" Parece mais o tipo de coisa que faria uma aluno do jardim da infância desenhando com um giz de cera do que algo que alguém realmente tentasse desenhar, mas teve alguém que, bem... realmente fez. Especificamente uma empresa chamada Piasecki, um fabricante especialista em projetos de descolagem vertical.

Assim era o jeep voador fabricado pelo Exército Ameriano para ser usado em combate
A companhia tentava desenvolver máquinas que pudessem se elevar do solo como um helicóptero, mas que fossem bem menores e fáceis de controlar. Isto fez com que fosse o candidato perfeito para o Comando de Pesquisa de Transporte do Exército dos EUA, que pretendia desenvolver o que, em essência, era um jeep voador.

A Piasecki assegurou-se de que os controles fossem bastante acessíveis. Pareciam quase os de um helicóptero, motivo pelo qual qualquer piloto habilidoso poderia facilmente assumir o controle do que foi batizado como Model 59K Sky Car, que podia controlar a direção do estabilizador e aterrar sobre três rodas.

VÍDEO
No exército ficaram contentes com o resultado, e Piasecki mudou o nome de sua nave para Airgeep VZ-8P. Mais tarde foi equipado com motores mais potentes aprovados ficar à altura dos padrões militares. 
O primeiro vôo aconteceu em junho de 1959. 
Todos estavam tão entusiasmados que o enviaram de imediato à Marinha para que pudessem testá-lo também.

A Marinha decidiu que o motor do Exército deixava bastante a desejar, e o substituiu com uma turbina AiResearch 331-6, que era mais leve e mais potente. 
O novo VZ-8P sofreu tantas mudanças que a Piasecki começou a chamar esta nova versão de modelo "B".
Assim era o jeep voador fabricado pelo Exército Ameriano para ser usado em combate
No começo tinha dois assentos, mas desde esta revisão passou a ser equipado com dois assentos ejetáveis para o piloto e o artilheiro, bem como três assentos adicionais para passageiros. O trem de aterragem foi melhorado significativamente, e a Marinha incluiu também dispositivos de flutuação em caso que tivesse que fazer um amaragem.

O Airgeep era então capaz de voar a várias centena de metros de altura e também bem acima do solo, já que era o lugar onde se supunha que passariam a maior parte do tempo, já que assim evitariam que fosse detectado pelos radares.
Assim era o jeep voador fabricado pelo Exército Ameriano para ser usado em combate
De todas as opções que o Exército estava considerando, o modelo de Piasecki foi o mais impressionante. Infelizmente, os militares não ficaram de todo convencidos. Decidiram que todo este conceito de fabricar um jeep voador era besteira e provavelmente não teria muita utilidade no meio de um combate real. Todo o projeto foi descartado, e o Exército voltou a se centrar no desenvolvimento de helicópteros.

https://www.mdig.com.br/


Sem comentários:

Enviar um comentário