AVISO


OS COMENTÁRIOS, E AS PUBLICAÇÕES DE OUTROS
NÃO REFLETEM NECESSARIAMENTE A OPINIÃO DO ADMINISTRADOR DO "desenvolturasedesacatos"

Este blogue está aberto à participação de todos.


Não haverá censura aos textos mas carecerá
obviamente, da minha aprovação que depende
da actualidade do artigo, do tema abordado, da minha disponibilidade, e desde que não
contrarie a matriz do blogue.

Os comentários são inseridos automaticamente
com a excepção dos que o sistema considere como
SPAM, sem moderação e sem censura.

Serão excluídos os comentários que façam
a apologia do racismo, xenofobia, homofobia
ou do fascismo/nazismo.


terça-feira, 26 de junho de 2018

OS PUM PUNS E O FANTOCHE EDUCADOR DA CLASSE OPERÁRIA - UM DEMAGOGO, UM DIVISIONISTA QUE SEMPRE TRAIU QUEM NELES ACREDITASSE - Arnaldo Matos apela à luta "com tudo o que tivermos à mão"


Arnaldo Matos, líder do PCPT/MRPP, apelou esta segunda-feira à luta "contra a exploração a exploração capitalista, com tudo o que tivermos à mão".

O líder do PCTP/MRPP socorreu-se da rede social Twitter esta segunda-feira para apelar à luta de operários “contra a exploração capitalista”.
“Operárias e operários: organizemo-nos e lutemos contra esta exploração capitalista, com tudo o que tivermos à mão!”, escreveu na rede social.
A acompanhar o apelo, Arnaldo Matos partilhou a imagem de duas metralhadoras Ak47.
No mesmo dia, Arnaldo Matos completou a ideia anterior, dirigindo críticas à banca privada e mostrando indignação em relação aos "ladrões de bancos". 
“Temos uma banca privada, paga com dinheiro do povo? Trabalhamos cada vez mais, cerca de 50 horas por semana, aos sábados e domingos, com o salário mais baixo da União Europeia, e ainda pagamos os “roubos dos ladrões de bancos?”, escreveu.


Arnaldo Matos apela à luta "com tudo o que tivermos à mão"
www.noticiasaominuto.com

Sem comentários:

Enviar um comentário