AVISO

OS COMENTÁRIOS, E AS PUBLICAÇÕES DE OUTROS
NÃO REFLETEM NECESSARIAMENTE A OPINIÃO DO ADMINISTRADOR DO "desenvolturasedesacatos"

Este blogue está aberto à participação de todos.


Não haverá censura aos textos mas carecerá, obviamente, da minha aprovação que depende da actualidade do artigo, do tema abordado, da minha disponibilidade, e desde que não contrarie a matriz do blogue.

Os comentários são inseridos automaticamente, com a excepção dos que o sistema considere como SPAM, sem moderação e sem censura.

Serão excluídos os comentários que façam a apologia do racismo, xenofobia, homofobia ou do fascismo/nazismo.


segunda-feira, 17 de julho de 2017

OUVIR-TE - poesia António Garrochinho


eu ouço-te quando falas serena
em frases curtas de duração pequena
mas que dizem tudo
quase não preciso de falar
prefiro ouvir-te, escutar
ficar mudo

António Garrochinho

Sem comentários:

Enviar um comentário