sábado, 22 de julho de 2017

OS HOMENS HIENA ALIMENTAM HIENAS À MÃO TODAS AS NOITES

As hienas fizeram parte da história de Harar, uma antiga cidade fortificada no leste da Etiópia, durante séculos, por isso faz sentido que este seja provavelmente o único lugar onde você pode ver os "homens-hiena" que alimentam alcateias de hienas á mão (e às vezes até com a boca) todas as noites. De acordo com fontes locais, esses homens corajosos (ou loucos?) alimentam as hienas selvagens que vivem nos arredores das colinas de Harar durante séculos.

Os “homens-hiena” de Harar alimentam hineas selvagens à mão todas as noites
O guia local de Harar, Hailu Geshaw, disse a Nat Geo Traveler que os homens-hiena podem ser rastreados até a década de 1550, quando o 42º Emir de Harar, Nur ibn Mujahid, construiu as muralhas da cidade. As baixas aberturas no paredão são evidências de que as pessoas de Harar realmente queriam que as hienas adentrassem em sua cidade, para um melhor saneamento.

Elas comiam a maior parte do lixo orgânico, mantendo a cidade limpa e livre de doenças para seus residentes humanos. O único problema era que as alcateias às vezes atacavam os habitantes locais e o gado, de modo que, para tornar os animais menos ferozes com os moradores, os homens-hiena começaram a se aproximar delas e a alimentá-las com restos de comida.

Até hoje, as hienas se aventuram na cidade fortificada de Harar todas as noites, mas graças aos esforços dos homens-hiena, as pessoas não tem medo delas. Abbas Yussuf, um dos mais jovens, diz que desde que seu pai começou a alimentar as hienas, há mais de 60 anos, as hienas nunca atacaram ninguém. Abbas assumiu a função noturna de seu pai, Mume Saleh Yussuf, há 13 anos e planeja transmiti-lo a seus filhos.
Os “homens-hiena” de Harar alimentam hineas selvagens à mão todas as noites
Em muitas culturas, as hienas são demonizadas, mas as pessoas de Harar fizeram as pazes com elas há muito tempo e até cresceram aprendendo a apreciar seu papel de manter a cidade limpa.

VÍDEO

- "As hienas são um dom da natureza para limpar a cidade que bagunçamos durante o dia. Sem elas, a cidade seria muito mais suja"disse um vendedor local de pão à Reuters.

Para se certificar de que as hienas não atacam ninguém, os homens-hiena se aventuram nas ruas todas as noites e chamam os predadores para jantar. Ver uma alcateia de até 30 exemplares adultos circundando um único homem é uma visão assustadora, mas, em vez de correr para as montanhas por suas vidas, os homens Harar mantêm a calma e, ocasionalmente, conseguem alimentá-las direto de suas mãos, e mesmo de suas bocas. As hienas cresceram tão acostumadas com essas pessoas que às vezes sobem em seus ombros para pegar os deleites.

VÍDEO

Mulugeta Wolde-Marian e Abbas Yussuf são atualmente os únicos homens-hiena a manter esta tradição incrível viva em Harar. Hoje, eles trabalham principalmente como artistas, cobrando turistas 100 birr (15 reais) por desempenho. Às vezes, eles dão aos espectadores a chance de alimentar as próprias hienas, embora nem todos estejam ansiosos para fazer a sua oferta, por razões óbvias.


www.mdig.com.br

Sem comentários:

Enviar um comentário