NOTA


Os textos assinados por outrem ou retirados de outros blogs ou sítios não reflectem necessáriamente a opinião ou posição do editor do "desenvolturasedesacatos"

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Encontram quatro toneladas de ouro em um barco nazi que afundou na Segunda Guerra Mundial

Segundo diversos tabloides britânicos, ocorreu perto da costa da Islândia. Uma equipe de mergulhadores da companhia britânica Advanced Marine Services, que se encontrava de serviço, achou algo surpreendente: um cofre de ouro cujo valor supera os 130 milhões de dólares . A história do tesouro poderia ser mais surpreendente que o próprio achado. O ouro está no interior de um navio alemão que naufragou durante a Segunda Guerra Mundial. O barco, um cargueiro SS Minden, afundou a uns 200 quilômetros ao sudeste da Islândia em 24 de setembro de 1939, isto é, quase no começo da grande guerra.

Encontram quatro toneladas de ouro em um barco nazista que afundou na Segunda Guerra Mundial
Quanto à história do ouro -provavelmente produto de pilhagem nazista-, acreditam que os alemães tinham retirado dos bancos da América do Sul, onde tinham depositado (?). O cargueiro partiu em 6 de setembro de 1939 do Rio de Janeiro, sua direção era algum porto da Alemanha.

Em realidade e segundo conta o Sun, o cargueiro devia ter partido originalmente desde Buenos Aires com destino a Durban, África do Sul. E dali até a Alemanha. O problema? África do Sul era uma colônia inglesa, território inimigo para os alemães. Por esta razão decidiram mudar a rota para o norte.

Segundo os pesquisadores, o barco foi interceptado perto da costa de Islândia pelos destroyers britânicos, o HMS Dunedin e o HMS Calypso. Foi em esse momento quando Hitler teria ordenado ao capitão do Minden que afundasse o barco com o tesouro antes que os aliados se apoderassem do ouro.

O capitão obedeceu as ordens e os soldados alemães foram detidos, mas os nazistas guardaram o segredo do tesouro escondido até agora. Segundo a Advanced Marine Services, a companhia que encontrou o cofre, uma vez recuperado tratarão de levá-lo ao Reino Unido.

Frustrantemente, o governo islandês declarou que a tripulação do AMS não tinha a licença certa, permitindo que eles recuperassem o naufrágio e seu conteúdo, e agora há uma batalha legal para determinar quem é o dono da descoberta.
Encontram quatro toneladas de ouro em um barco nazista que afundou na Segunda Guerra Mundial
Uma das maiores descobertas de ouro roubado pelos alemães aconteceu no coração da Alemanha pela 90ª Divisão de Infantaria do 3º Exército dos EUA em 1945, o espólio incluia mais de 8.300 barras de ouro, 55 caixas de lingotes, 3.330 sacos de moedas de ouro, oito sacos de anéis de ouro, prata e platina. E obras de arte valiosas.


www.mdig.com.br

Sem comentários:

Enviar um comentário