quinta-feira, 27 de julho de 2017

Cinco feridos, dois deles em estado grave, em ataque com motosserra na Suíça





Polícia diz que não se trata de um ato de terrorismo. Atacante já foi identificado e está em fuga

Um homem feriu cinco pessoas esta segunda-feira de manhã com uma motosserra na cidade de Schaffhausen, na Suíça. De acordo com a polícia, o incidente não foi categorizado como um "ato de terrorismo" e o suspeito, que está em fuga, já foi identificado.
O agressor está a ser descrito pela polícia como um homem de 1 metro e 90, careca e com uma aparência pouco cuidada que conduz uma carrinha branca com matrícula suíça. As autoridades divulgaram imagens do homem, que ainda está em fuga.



    A porta-voz da polícia, Cindy Beer, afirmou à estação de televisão SRF que a polícia recebeu um alerta pelas 10:39 (9:39 em Lisboa) sobre o incidente, e escusou-se acrescentar mais informação para além de que "uma pessoa [homem] feriu várias outras".



    O ataque ocorreu dentro de uma seguradora, num edifício de escritórios numa rua com várias lojas no centro de Schaffhausen. As vítimas são funcionários e clientes da seguradora. Duas das vítimas estão em estado grave.
    Segundo a Reuters, a polícia encerrou o centro da cidade. As lojas estão fechadas e a população está a ser aconselhada a não passar por esta zona, enquanto as autoridades procuram o agressor.

    VÍDEO




    video

     Five people injured in  town of   in attack by unidentified man, police says
    Twitter Ads info and privacy
      Helicópteros sobrevoam o local e no terreno estão ambulâncias e a polícia.
        A cidade de Schaffhausen, com cerca de 36 mil habitantes, fica no norte da Suíça e faz fronteira com a Alemanha.

        www.dn.pt

        Sem comentários:

        Enviar um comentário