AVISO

O administrador deste blogue
não é responsável pelas opiniões
veiculadas por terceiros
nem a sua publicação quer dizer
que delas partilhe, apenas as
publica como reflexo da
sociedade em que se inserem
dando-lhes visibilidade
mas nunca fazendo delas opinião própria.
Ao desenvolturasedesacatos reserva-se ainda o direito
de eliminar qualquer comentário anónimo ou não identificado, que contenha ataques
deliberadamente pessoais, que em nada contribuampara o debate de ideias ou para a denúncia
de situações menos claras do ponto de vista ético.


quinta-feira, 15 de junho de 2017

NEM UM BERBIGÃO !!!!! - Rota do Petisco das Terras da Ria começa hoje…e já conseguiu um “milagre”

NEM UM BERBIGÃO
Bacalhau esteve ao lado do governo PSD Passos Coelho nas demolições na Ria Formosa e agora em tempo de eleições a visão que tem sobre a ria são os petiscos mas não merece comer um único berbigão da nossa Ria Formosa.
Damásio Ferreiro



O presidente da Câmara de Olhão, o presidente da Câmara de Faro e o vereador da CDU António Mendonça


Rota do Petisco das Terras da Ria começa hoje…e já conseguiu um “milagre”


Se não tivesse mais nenhuma virtude – e tem muitas -, a nova Rota do Petisco das Terras da Ria já poderia, pelo menos, anunciar ter sido responsável por uma quase milagre: é que ontem, ao início da noite, no lançamento oficial no Museu de Faro, conseguiu colocar lado a lado, e sorridentes, os presidentes das Câmaras de Faro e de Olhão…
Aliás, tanto Rogério Bacalhau, edil social-democrata de Faro, como António Pina, edil socialista de Olhão, deram conta disso nos breves discursos que proferiram, entre sorrisos ou mesmo gargalhadas dos convidados. A Rota do Petisco «tem a vantagem de juntar o que geralmente está afastado» disse mesmo António Pina.
«Temos muito a ganhar por trabalharmos em conjunto», acrescentou o autarca olhanense, que chegou mesmo a agradecer à associação Teia d’Impulsos, que organiza a Rota do Petisco, «por ter impulsionado a união entre Olhão e Faro».
Rogério Bacalhau, por seu lado, fez questão de sublinhar o interesse que o evento tem para fomentar a economia e os negócios locais, nomeadamente na vertente do turismo gastronómico, nos dois concelhos vizinhos.
Esta apresentação teve o condão de ser muito ecuménica do ponto de vista político, uma vez que também por lá estiveram representantes de outros partidos, como o vereador António Mendonça, da CDU, que é de novo candidato.


Questões políticas e de (má) vizinhança à parte, a primeira edição da Rota do Petisco nas terras da Ria Formosa começa hoje, dia 2 de Junho, e prolonga-se até 9 de Julho, em 34 restaurantes e pastelarias das duas cidades (e arredores). São 34 boas razões para «percorrer as ruas de Faro e Olhão com o apetite bem desperto e diversão no horizonte».
Ontem, nos claustros do antigo convento que alberga o Museu Municipal de Faro, alguns dos petiscos, ao som de Tércio nanook ou do DJ Nuno Silva, foram dados a provar aos convidados e a verdade é que…não sobrou nada! Um bom augúrio para o mês que, quem gosta de comer bem e de conviver, poderá agora dedicar a percorrer, se não todos, pelo menos a maioria dos estabelecimentos aderentes a esta Rota do Petisco das Terras da Ria.
O conceito é simples: petisque aqui e acolá por um preço módico. Os estabelecimentos aderentes oferecem uma ementa especial ao preço de 3 euros por “Petisco” (petisco + bebida) e a 2 euros o “Doce Regional” (sobremesa + bebida) a quem apresentar o passaporte da Rota do Petisco para ser carimbado.
Este passaporte custa 1 euro e pode ser adquirido nos restaurantes e pastelarias participantes ou num dos Postos de Informação da Rota do Petisco: Postos de Turismo de Faro e de Olhão, Centro Náutico da Ilha de Faro e Museu Municipal de Olhão.
O valor pago na aquisição do passaporte reverte integralmente para o apoio dos 12 projetos sociais apoiados pela Rota Solidária.
Com o passaporte da Rota do Petisco, os petiscadores dão… mas também recebem. «Ao angariar pelo menos 12 carimbos, recebe automaticamente um brinde e fica habilitado a um dos prémios da Rota do Petisco. E há ainda mais ofertas e descontos a descobrir!», conta a Teia d’Impulsos.



Fotos: Elisabete Rodrigues|Sul Informação



Sem comentários:

Enviar um comentário