NOTA


Os textos assinados por outrem ou retirados de outros blogs ou sítios não reflectem necessáriamente a opinião ou posição do editor do "desenvolturasedesacatos"

sexta-feira, 30 de junho de 2017

Fim da sobretaxa do IRS para quem ganha entre 20 e 40 mil euros por ano


É mais um passo a caminho do fim total da sobretaxa do IRS. A consultora EY fez para a TSF algumas simulações que permitem perceber quanto é que isso vai trazer a mais para os bolsos dos portugueses.

A sobretaxa está a ser devolvida aos trabalhadores de forma faseada. A partir de 1 de julho, quem ganha entre 20.261 e 40.522 euros deixa de suportar a parcela de IRS criada nos tempos da troika.
Um casal em que cada elemento ganhe 3000 euros brutos mensais e tenha a cargo dois dependentes vai receber no mês que vem, cada um dos elementos, mais 22 euros.
Simulação consultora EY, com base nos seguintes pressupostos: Sector privado; Mês sem subsídios; Mês apenas com salário base (e.g., sem subsídio de refeição, etc)© Direitos Reservados
É o que prevê a simulação da consultora EY, que nas projeções que fez para a TSF teve em conta quem trabalha no setor privado e apenas o vencimento bruto, sem subsídios de qualquer espécie.
Simulação consultora EY, com base nos seguintes pressupostos: Sector privado; Mês sem subsídios; Mês apenas com salário base (e.g., sem subsídio de refeição, etc)© Direitos Reservados
Já um trabalhador que todos os meses leve para casa 2000 euros brutos, solteiro e sem dependentes em julho vai receber mais 13 euros.
Simulação consultora EY com base nos seguintes pressupostos Sector privado Mês sem subsídios Mês apenas com salário base (e.g. sem subsídio de refeição etc) Direitos Reservados
Este é o resultado da eliminação faseada da sobretaxa que agora desaparece para quem ganha entre cerca de 20 mil e perto de 40500 euros anuais.
A parcela de imposto criada nos anos da troika está a ser devolvida aos trabalhadores, de forma faseada.
Desde o inicio do ano que, quem ganha menos de 20 mil euros anuais, já não paga sobretaxa.
No final de setembro, será a vez de quem ganha entre 40.522 e 80.640 euros anuais. Acima deste valor, o fim da taxa adicional de IRS está marcado para o final de novembro.


www.tsf.pt

Sem comentários:

Enviar um comentário