AVISO

OS COMENTÁRIOS, E AS PUBLICAÇÕES DE OUTROS
NÃO REFLETEM NECESSARIAMENTE A OPINIÃO DO ADMINISTRADOR DO "desenvolturasedesacatos"

Este blogue está aberto à participação de todos.


Não haverá censura aos textos mas carecerá, obviamente, da minha aprovação que depende da actualidade do artigo, do tema abordado, da minha disponibilidade, e desde que não contrarie a matriz do blogue.

Os comentários são inseridos automaticamente, com a excepção dos que o sistema considere como SPAM, sem moderação e sem censura.

Serão excluídos os comentários que façam a apologia do racismo, xenofobia, homofobia ou do fascismo/nazismo.


terça-feira, 30 de maio de 2017

VÍDEO - Obrigada a vir dos EUA, de 3 em 3 semanas, para ver o filho




O episódio de hoje de Vidas Suspensas envolve uma médica dentista norte-americana e um português. Um exemplo do que acontece a muitos portugueses que casam com estrangeiros: quando se divorciam, coloca-se a questão de saber para que país vão os filhos.


Neste caso, a mãe tomava conta do filho a tempo inteiro, mas o tribunal decidiu entregar a criança ao pai, que vive em Portugal, o que obriga a mãe a vir de três em três semanas, dos EUA, para estar com o filho.
Tamilla Meisenberg queixa-se agora de ser vítima de alienação parental. O pai foi contactado pela SIC, mas preferiu não dar nenhum esclarecimento sobre o caso.
Esta é assim uma história contada apenas pela mãe, que teve de tomar uma das decisões mais difíceis da sua vida, quando foi viver a 7.000 km de distância do filho.

VÍDEO



sicnoticias.sapo.pt

Sem comentários:

Enviar um comentário