AVISO

OS COMENTÁRIOS, E AS PUBLICAÇÕES DE OUTROS
NÃO REFLETEM NECESSARIAMENTE A OPINIÃO DO ADMINISTRADOR DO "desenvolturasedesacatos"

Este blogue está aberto à participação de todos.


Não haverá censura aos textos mas carecerá, obviamente, da minha aprovação que depende da actualidade do artigo, do tema abordado, da minha disponibilidade, e desde que não contrarie a matriz do blogue.

Os comentários são inseridos automaticamente, com a excepção dos que o sistema considere como SPAM, sem moderação e sem censura.

Serão excluídos os comentários que façam a apologia do racismo, xenofobia, homofobia ou do fascismo/nazismo.


domingo, 21 de maio de 2017

Passageiro colado à cadeira depois de ter tentado entrar no cockpit




Avião da American Airlines aterrou em Honolulu escoltado por caças

Um passageiro de 25 anos de nacionalidade turca acabou o voo rumo a Honolulu, Havai, colado à cadeira com fita-cola depois de ter tentado entrar no cockpit do avião. Foram outros passageiros e os tripulantes que detiveram o jovem, identificado pela polícia como Anil Uskanli, quando este mostrou um comportamento estranho.
Mesmo antes de ter embarcado no voo da American Airlines, o jovem já tinha sido abordado pela polícia do aeroporto internacional de Los Angeles depois de um trabalhador alegadamente o ter visto a caminhar para uma porta de segurança do terminal com acesso à pista durante a madrugada da passada sexta-feira, quando tudo aconteceu, conta o Washington Post. Acabou por ser libertado após ter sido acusado de um delito menor. As autoridades adiantaram que o rapaz estava a beber, mas não estava alcoolizado.
Mais tarde embarcou no voo da American Airlines com destino a Honolulu, mostrando sempre um comportamento estranho. Tentou sentar-se na zona da primeira classe, na parte da frente do avião, onde teria deixado o seu portátil num dos assentos. Foi encaminhado por uma hospedeira para o seu lugar, mas a meio do voo voltou a aparecer na parte da frente do avião com uma toalha enrolada na cabeça e dirigindo-se ao cockpit.
Alguns passageiros referiram à imprensa que Anil Uskanli estava mover-se de forma muito lenta. Foi travado por uma hospedeira que colocou um carrinho de bebidas no meio do caminho. Ele quis empurrar o carrinho e foi agarrado por vários passageiros, que com a ajuda de fita-cola, o atacaram à cadeira.
    A situação foi comunicada às autoridades e o avião terminou a viagem escoltado por dois caças raptor F-22, seguindo os procedimentos de segurança. Quando o avião aterrou o FBI prendeu o rapaz e fez uma inspeção ao aparelho à procura de possíveis explosivos. Nada de irregular foi detetado.

    VÍDEO





    First look of suspect, 25-year-old Anil Uskanil being escorted off American Airlines flight #31 by the FBI. 
      O jovem foi levado para avaliação médica e enfrenta uma possível acusação de distúrbio de voo e interferência com a tripulação. O FBI não adiantou mais informação.



      www.dn.pt

      Sem comentários:

      Enviar um comentário