NOTA


Os textos assinados por outrem ou retirados de outros blogs ou sítios não reflectem necessáriamente a opinião ou posição do editor do "desenvolturasedesacatos"

segunda-feira, 29 de maio de 2017

CTT - balcões e LIBERDADE

CTT - balcões e LIBERDADE
Sabido dos imensos balcões dos CTT que fecharam.
Passaram as Juntas de Freguesia, especialmente em pequenos aglomerados a assumir as tarefas referentes aos CTT.
Como resultado temos que os trabalhadores da Junta, são-no também dos ctt, nunca deixando de estar sob a alçada do exmº e digníssimo presidente da Junta, está aqui uma questão MUITO FEIA para quem trabalha por aqueles sítios.
Sempre e em todos os lados, são as pessoas que estão atrás dos balcões, considerados como uns estupores, uns calaceiros, uns faz nada; isto para não ir para a minha linguagem natural e usual.
Embora seja uma realidade, muitas das vezes……. Nem sempre assim é, até porque aturam de tudo e mais sei lá eu o quê- e a mim também. .
Hoje foi-me dada a oportunidade de apreciar um caso ESTRAMBÓLICO, que me levou a pensar que estou a ficar velho da cabeça.
ALI em Vilar do Paraíso, existe um desses balcões, onde vou mais vezes, pelo facto de ter menos gente.
Eles ajudam a fazer o IRS, a inscrever a catraiada na escola, infantários, existem no local Jornais e Revistas, pelo menos uma a dizer tudo o que há de bom na freguesia, puderaaaa e OK.
Só havia na minha frente uma MENINA a ser atendida, que levantava uma encomenda, apresentando o Postal respectivo.
O SINHOR pediu-lhe o Cartão de Cidadão para verificar se a letra dizia com a careta, versus encomenda com o postal…. E dizia!
Como estava ali juntinho ( sem me encostar à MENINA, seus homofóbicos do caralho e feministas da treta) , vi perfeitamente que nunca o HOMEM tirou o Catão de Cidadão de cima do Balcão.---- mais á frente se verá a que propósito vem isto.
A MENINA assinou o aviso, pagou 70 € e pôs-se mesmo ali a abrir a encomenda, o que só por si me arrepiou as meninges, como se isso não bastasse, virou-se para o HOMEM, dizendo:
- Não é nada disto que eu quero, devolva e dê-me os 70 €!!
O HOMEM pacientemente explicou que já tinha o aviso assinado e o papel em como tinha recebido os 70 €, nada podendo fazer.
- Não me interessa eu não levo nada disto.
E não é que o HOMEM lhe diz que embora não o podendo fazer, seria melhor então voltar a MENINA a embrulhar a encomenda ? ? ? ?
A MENINA passou a GAJA e embrulhou aquela merda / duas caixas de sapatos / a trouxo mocho, colocou fita cola por tudo quanto era sítio e vai de dar ó HOMEM….
SÓ QUE… tinha embrulhado aquela merda ao contrário, as indicações de nome morada e coisa e tal, tinham ficado para dentro, não eram pois visíveis.
Vai de desembrulhar novamente e tornar a tentar colocar a coisa correctamente.
Pacientemente o HOMEM, acabou por ser ele a colocar a fita devidamente, devolveu-lhe os 70 € e disse-lhe:
- Pronto se não for levantado em 6 dias, vai devolvido ao remetente.
Sem um OBRIGADO a GAJA vira-se para o HOMEM e diz:
- Dê-me o bilhete de identidade, que o senhor ficou-me com ele !
Uma parte de mim fervia, sendo que a outra me dizia, esquece pá, vais armar um confusão do caralho, vais insultar a GAJA vais mesmo ser malcriado. - - - - Dei atenção à 1ª, sem esquecer a 2ª, afastei-me um bocadito, não sem dizer :
- Desculpe lá meter-me onde não sou chamado, mas o SENHOR nem no Cartão de Cidadão pegou, estava em cima do Balcão ele colocou o aviso ao lado, pediu-lhe para assinar o aviso e só foi com o aviso buscar a encomenda.
HÁ GAJOS COM UMA SORTE DO CARALHO, MESMO . . . A GAJA NÃO ME DISSE NADINHA.
Já o HOMEM não teve a mesma sorte, mesmo confirmando o que tinha dito eu.
DESCULPE, mas eu nem peguei no Cartão de Cidadão, só confirmei o que tinha de confirmar !
O HOMEM que nunca tinha saído de onde estava, até à máquina das fotocópias foi verificar, procurando o caralho do Cartão de Cidadão, desesperado conscientemente embora inconscientemente soubesse que nunca tinha pegado no CU da GAJA,, há pois, Cartão Único era antes, passou a ser do “ Cidadom “ para ela ainda bilhete de identidade.
Eis que toca o telemóvel da GAJA, que atende, conversa práqui e pracolá, acaba a dita, vira-se para o HOMEM dizendo:
- DEIXE LÁ , não procure mais…..
Foi-se pelas escadas abaixo SEM CAIR – infelizmente.
A LIBERDADE é mesmo FODIDA , quando mal interpretada.
 DIZ QUE SIM ZÉ,,,, NEGA !
- - - - - - - - - -
Tenha paciência chefe e diga lá quanto tenho a pagar por isto, dando-lhe o PACOTE ( de jornais embrulhados e devidamente dirigidos a SENDIM ), era um PACOTE era, estão a pensar em quê ? BASCULHOS…..
Conversei um bocadinho com o HOMEM, na esperança de lhe dar ALENTO para o que acabava de suceder.
SABE SENHOR, SE VÃO FAZER QUEIXA AO SINHOR PRESIDENTE, DEPOIS NÓS É QUE ÓBIMOS.
É MESMO FODIDO ISTO !! ! ! !
( Leiam com atenção a LETRA da canção dos EUNUCOS do JOSÉ AFONSO)
E já agora VOTEM, mas vejam lá em quem…. É que a letra dos EUNUCOS cantada é uma coisa LINDA,, mas lida com calminha DIZ MAIS do que se ouve e acontece ...
E Ó MAIS NUM PARECE....

Sem comentários:

Enviar um comentário