AVISO

O administrador deste blogue
não é responsável pelas opiniões
veiculadas por terceiros
nem a sua publicação quer dizer
que delas partilhe, apenas as
publica como reflexo da
sociedade em que se inserem
dando-lhes visibilidade
mas nunca fazendo delas opinião própria.
Ao desenvolturasedesacatos reserva-se ainda o direito
de eliminar qualquer comentário anónimo ou não identificado, que contenha ataques
deliberadamente pessoais, que em nada contribuampara o debate de ideias ou para a denúncia
de situações menos claras do ponto de vista ético.


terça-feira, 2 de maio de 2017

Barreiro evoca resistência ao fascismo


barreiro98














A União de Sindicatos de Setúbal/CGTP-IN irá realizar uma concentração nos Paços do Concelho do Barreiro para evocar os acontecimentos de 3 de Maio de 1970, quando foram presos diversos resistentes antifascistas naquela cidade e no distrito de Setúbal, após a vitória da oposição nas eleições de 1969.
A iniciativa articula o rememorar da resistência ao fascismo com os objectivos da luta actual pela valorização do trabalho e dos trabalhadores e pelo aumento dos salários.
A União de Sindicatos de Setúbal inscreve ainda nos objectivos da concentração exigir a revogação das normas gravosas da legislação laboral, a defesa da EMEF e do polo ferroviário do Barreiro e o descongelamento das carreiras e profissões.


FONTE: União de Sindicatos de Setúbal
www.cgtp.pt

Sem comentários:

Enviar um comentário