AVISO

O administrador deste blogue
não é responsável pelas opiniões
veiculadas por terceiros
nem a sua publicação quer dizer
que delas partilhe, apenas as
publica como reflexo da
sociedade em que se inserem
dando-lhes visibilidade
mas nunca fazendo delas opinião própria.
Ao desenvolturasedesacatos reserva-se ainda o direito
de eliminar qualquer comentário anónimo ou não identificado, que contenha ataques
deliberadamente pessoais, que em nada contribuampara o debate de ideias ou para a denúncia
de situações menos claras do ponto de vista ético.


segunda-feira, 24 de abril de 2017

LIRA/IRA

MAIS DO QUE A "LIRA" JÁ FALECIDA NÃO PODEMOS ADORMECER EM ROMANTISMOS EXAGERADOS EM MILAGRES RELIGIOSOS EM SOLUÇÕES DO TIPO GÉNIO DE ALADIM.

A "IRA" EMBORA COM UM NOME MAIS PESADO NÃO PODE ESTAR AUSENTE DE QUEM SOFRE, É EXPLORADO E VIVE UMA VIDA DE ESCRAVO EM PLENO SÉCULO XXI.

A REVOLTA EMBORA POR VEZES SEJA DOLOROSA É A ÚNICA SOLUÇÃO DO HOMEM PARA QUE NÃO VIVA MISERAVELMENTE E DE RASTOS.

António Garrochinho

Sem comentários:

Enviar um comentário