AVISO

O administrador deste blogue
não é responsável pelas opiniões
veiculadas por terceiros
nem a sua publicação quer dizer
que delas partilhe, apenas as
publica como reflexo da
sociedade em que se inserem
dando-lhes visibilidade
mas nunca fazendo delas opinião própria.
Ao desenvolturasedesacatos reserva-se ainda o direito
de eliminar qualquer comentário anónimo ou não identificado, que contenha ataques
deliberadamente pessoais, que em nada contribuampara o debate de ideias ou para a denúncia
de situações menos claras do ponto de vista ético.


quarta-feira, 5 de abril de 2017

Enormes Estátuas De Aço Na Geórgia Contam Uma Trágica História De Amor





Ao que parece, as grandes histórias de amor são aquelas que não foram vividas.
Esta escultura de aço de 8 metros de altura criada pela artista Tamara Kvesitadze não é apenas um exemplo incrível de mecânica e design, mas também uma representação do amor impossível. A estrutura simboliza a história de Ali e Nino, dois amantes de diferentes origens religiosas.
Todas as noites às 19h, as duas esculturas começam a mudar de posições, movendo-se em direção a outra até que eles se encontram em um breve abraço, e assim continuam o seu caminho. À noite, a dança é iluminada com luzes coloridas, criando uma visão diferenciada na avenida beira-mar de Batumi, na Geórgia.
Originalmente concebida em 2007 com o nome de “A Women and Man”, a obra foi instalada em 2010 e, posteriormente, renomeada “Ali e Nino”, inspirada no romance escrito em 1937 por um autor do Azerbaijão que usa o pseudônimo de Kurban Said.
A história apresenta um caso de um amor trágico entre um jovem muçulmano do Azerbaijão e uma princesa georgiana cristã durante a Primeira Guerra Mundial.
Confira as fotos a seguir e clique no player acima para vê-las em movimento
VEJA NO VÍDEO AS ESTÁTUAS EM MOVIMENTO

Sem comentários:

Enviar um comentário