AVISO

O administrador deste blogue
não é responsável pelas opiniões
veiculadas por terceiros
nem a sua publicação quer dizer
que delas partilhe, apenas as
publica como reflexo da
sociedade em que se inserem
dando-lhes visibilidade
mas nunca fazendo delas opinião própria.
Ao desenvolturasedesacatos reserva-se ainda o direito
de eliminar qualquer comentário anónimo ou não identificado, que contenha ataques
deliberadamente pessoais, que em nada contribuampara o debate de ideias ou para a denúncia
de situações menos claras do ponto de vista ético.


sexta-feira, 21 de abril de 2017


a magia


E não podendo conter a alegria
do velho rock , a nostalgia
restaurada a velha rádio telefonia
há muito inerte no sotão, cheio de pó
ao ouvir o êxito da sua banda preferida
de rompante vai de seguida
ao velho roupeiro, o guarda fatos
encontra de outros, os sapatos
verniz, do tempo do rocócó
e os calça sem adivinhar
que também eles estavam saudosos
de outros tempos desejosos, os de dançar
ao som fundo e esganiçado do aparelho
que voltou ao novo, sendo velho
como numa magia, para o deslumbrar



António Garrochinho


Sem comentários:

Enviar um comentário