NOTA


Os textos assinados por outrem ou retirados de outros blogs ou sítios não reflectem necessáriamente a opinião ou posição do editor do "desenvolturasedesacatos"

sexta-feira, 7 de abril de 2017

A Musa: Sharon Stone






Sharon Yvonne Stone nascida em 10 de março de 1958 em Meadville, Pensilvânia, é uma atriz, modelo e produtora americana. 




Ela alcançou o reconhecimento internacional por seu papel no thriller erótico Instinto Selvagem.
Foi nomeada para um Oscar de Melhor Atriz em um Filme Dramático por sua atuação em Cassino.



Vida e Carreira
Famosa por protagonizar Basic Instinct de 1992, Sharon além de bela possui um QI de 154, o que a classifica oficialmente como "superdotada".



Teve desempenho acadêmico excepcional, cursando a segunda série do ensino fundamental aos cinco anos de idade e tornando-se universitária aos 15.



Durante o período escolar, apresentava um comportamento anti-social e possuía distúrbios de imagem corporal.
Teve três casamentos, o último com o jornalista e executivo Phil Bronstein, mas hoje está atualmente solteira.
Tem três filhos adotivos (Roan Joseph Brostein, Laird Vonne Stone e Quinn Stone), o primeiro quando ainda estava unida a Phil Bronstein.
A atriz é filha de Joseph Stone e Dorothy Stone e tem dois irmãos (Mike Stone e Patrick Stone) e uma irmã (Kelly Stone).




Aos dezenove anos, foi candidata a Miss Pensilvânia, mudou-se para Nova Jersey e foi contratada pela agência Ford Models.
Após viver na Europa por algum tempo e participar de comerciais das empresas Burger King e Maybelline, retornou aos Estados Unidos decidida a atuar profissionalmente e conseguindo seu primeiro papel no filme Stardust Memories, de Woody Allen, em 1980.
A atriz chegou a posar nua na revista Playboy, na época do filme Basic Instinct.



Além do inglês, fala fluentemente italiano.




Possui uma estrela na Calçada da Fama.
Na franquia cinematográfica sobre Alan Quatermain contracenou com o ator Richard Chamberlain.



Ganhou destaque em blockbusters americanos protagonizando sucessos ao lado de Stallone e também de Schwarzenegger.





Participou de uma sequência da série de filmes Loucademia de Polícia.




Protagonizou inúmeros sucessos em Hollywood, e desempenhou competentemente papéis sérios, a sensuais.





Reconhecimento
Venceu um Prêmio Emmy em 2004, por melhor atuação dramática na série A different Loyalty.
Ganhou também um Globo de Ouro por melhor atriz em Cassino em 1995.




Em Agosto de 2012 foi capa da revista Vogue se mostrando deslumbrante na faixa dos 50 anos, provando que versatilidade e beleza não acaba cedo.





Fez um ensaio sensual no auge de seus 56 anos e mostrou que tem mais sensualidade que muitas meninas de 20.



Entre seus filmes de sucesso, alguns se destacam por sua atuação, polêmica, e por serem produções de qualidade.


Sangue e Areia (Blood and Sand) 1989 Dirigido por Javier Elorrieta

 




Juan (Christopher Rydell) é um jovem espanhol que sonha se tornar um toureiro. Quando ele é flagrado em uma tourada noturna clandestina com um dos animais da família Sol, ele conhece Dona Sol (Sharon Stone), filha dos proprietários. Ele logo se apaixona pela jovem, que tem descendência espanhola e norte-americana. Ela coloca Juan em contato com toureiros famosos e o transforma em um profissional famoso também. Mesmo casado com Carmen (Ana Torrent), Juan comemora o sucesso ao lado de Dona até que ela o decepciona. É quando sua carreira conhece o declínio cada vez mais vertiginoso.

VÍDEO



Terceira versão para o cinema do famoso livro de Vicente Blasco Ibáñez, "Sangre y Arena" que originou até uma novela em 1968.



Instinto Selvagem (Basic Instinct) 1992 Dirigido por Paul Verhoeven

 




Ao investigar um assassinato, o detetive Nick Curran (Michael Douglas) se vê diante de um mistério: a principal suspeita é a namorada da vítima. Catherine Tramell, uma escritora de sucesso, que descreve em seu último livro uma cena exatamente igual à do crime. A situação se complica porque Nick se vê envolvido com a insinuante escritora, numa trama de intrigas e sexo que pode acabar com a sua carreira e mesmo com a sua vida.
Sharon se mostra sensualíssima numa trama bem elaborada, cenas quentíssimas e um desfecho surpreendente.



A cena do interrogatório foi uma das mais polêmicas e comentadas da época.



VÍDEO

Invasão de Privacidade (Sliver) 1993 Dirigido por Phillip Noyce

 




Uma série de misteriosas mortes atinge um edifício de luxo em Manhattan enquanto uma nova moradora (Sharon ) se envolve com um dos vizinhos (William Baldwin), mas também é desejada por um outro (Tom Berenger) e gradativamente vai chegando a conclusão de que um deles é o assassino.



Suspense policial sensual e fascinante, com cenas ousadas e um mistério bem estruturado.
Toca num assunto a frente de sua época, levanta questões morais importantes, e passa uma conclusão interessante, que vale a pena ser conferido!

VÍDEO




Um tema que mesmo hoje em dia permanece atual e reflexivo.



Cassino (Casino) 1995 Dirigido por Martin Scorsese

 




Um retrato de Las Vegas dos anos 70 é criado através de três personagens centrais: um especialista em garantir a integridade do cassino, por meios bons ou maus (Robert De Niro), uma prostituta (Sharon Stone) e um gângster recém chegado à cidade (Joe Pesci). História baseada na vida do chefe de cassino Frank "Lefty" Rosenthal.
Mais um sucesso bem dirigido de Scorsese com uma atuação estupenda de Sharon e uma trilha sonora fantástica.

VÍDEO


Diabolique (Diabolique) 1996 Dirigido por Jeremiah S. Chechik

 




Duas mulheres têm algo em comum: dormem com Guy Baran (Chazz Palminteri).
Mia Baran (Isabelle Adjani) é casada com ele e Nicole Horner (Sharon Stone) é sua amante e ambas são professoras no colégio onde ele é diretor.



Com o tempo ambas ficam cansadas do modo dele de agir e decidem matá-lo.
Tudo corre bem, até o momento que o corpo, que tinha sido jogado no fundo de uma piscina, desaparece.



Remake de um sucesso francês, Diabolique tem seus encantos e funciona como um bom suspense, cheio de reviravoltas, e fotografia sombria.



Há muito carisma entre as protagonistas de Adjani e Stone, se vê nitidamente a forte química entre as duas em cena.



Recomendado.

VÍDEO



Instinto Selvagem 2 (Basic Instinct 2)

 




Catherine Tramell (Sharon Stone) é uma escritora de suspenses que se mudou há pouco de São Francisco para Londres. A misteriosa morte de um astro do esporte, em que Tramell esteve envolvida, faz com que o respeitado psicanalista Michael Glass (David Morrissey) seja designado pela Scotland Yard para fazer uma avaliação psiquiátrica da escritora. Glass logo se sente fisicamente atraído por Tramell e ao mesmo tempo intrigado com ela. Contrariando os conselhos de sua mentora, a dra. Milena Gardosh (Charlotte Rampling), Glass se envolve com Tramell, dando início a um jogo de mentiras e sedução, onde nada é o que parece até o momento final.



No auge aos seus 50 anos, Sharon protagoniza novamente Catherine, na sequência do sucesso de 1993 e prova mais uma vez que consegue capturar todos os expectadores, sua atuação ainda mais madura e sensual rouba a cena e enche a tela!



Um filme inteligente, sexy e misterioso que segue a linhagem do primeiro.







Teve um relacionamento com um modelo brasileiro, que conheceu em 2012 em Santa Catarina num evento beneficente em prol da luta contra a aids.



Sharon Stone é eterna musa, ícone de beleza, elegância e talento, e sua presença exuberante e belo sorriso  a tornam única em estilo e seu talento proveniente de um QI avançado, uma artista notável para sempre.



SHARON STONE




FOREVER




VÍDEO




MUSA








helenadalillah.blogspot.pt

Sem comentários:

Enviar um comentário