NOTA


Os textos assinados por outrem ou retirados de outros blogs ou sítios não reflectem necessáriamente a opinião ou posição do editor do "desenvolturasedesacatos"

quinta-feira, 23 de março de 2017

A vida no deserto do Kalahari


O deserto de Kalahari - ou Kgalagadi, como é conhecido em Botsuana - se estende por 7 países - Botswana, Zâmbia, República da África do Sul, Zimbabwe, Namíbia, Angola e República Democrática do Congo (RDC). É chamado de "deserto", principalmente porque seu solo é poroso. Solos arenosos não podem reter a água de superfície, mas em algumas áreas a precipitação anual pode ser tão elevada como 250 mm, o que resulta numa cobertura de grama exuberante durante bom tempo.


O Kalahari não é um verdadeiro deserto que recebe pouca chuva, mas na verdade é um deserto fóssil. Então, não espere encontrar as dunas altas. A paisagem é mais um de capim dourado e pequenas dunas vermelhas.



Ao contrário do Saara, o deserto de Kalahari é coberto de árvores e rios efêmeros. A maior parte do segmento sul é ocupado pelo ébano vermelho e acácias e outras árvores. Mais ao norte a acácia dá lugar ao mato cerrado e mata seca. 


O Kalahari é um dos últimos paraísos da vida selvagem da África.  Os animais que vivem na região incluem as hienas marrons, leões, suricatos, várias espécies de antílopes, e muitos tipos de aves e répteis.  Vegetação no Kalahari consiste de pastagem seca e acácias raquíticas Gramíneas prosperaram no Kalahari durante o verão. Povos africanos conhecidos como San (ou bosquímanos) foram reconhecidos como os primeiros habitantes humanos do Kalahari.



Suas habilidades de sobrevivência e de adaptação ao áspero deserto de Kalahari tornaram-se lendárias. Hoje, apenas um pequeno número dosbosquímanos seguem o seu modo de vida tradicional no Kalahari.  A civilização moderna está ameaçando os recursos naturais do Kalahari.Empresas minerais descobriram grandes depósitos de carvão, cobre e de níquel na região. Além disso, uma das maiores minas de diamantes do mundo está localizado na Orapa no Makgadikgadi, uma depressão no nordeste do Kalahari .


O deserto do Kalahari também é um dos desertos mais traiçoeiros do mundo.Embora não se parece com um deserto, ele se comporta como um. Durante a curta estação chuvosa se ​​transforma em um paraíso de vegetação exuberante e uma fauna colorida e animada.  No entanto, no momento em que as chuvas já se foram o Kalahari torna-se seco e mal humorado. Pode chover muito forte em um dia, a chuva que produz inundações leva tudo embora, enquanto no dia seguinte pode ser tão seco como sempre.





Na Namíbia e África do Sul, existem grandes fazendas, que podem ser de 20.000 a 40.000 ha, com criação principalmente de ovinos e avestruzes. E em Botsuana, embora haja algumas fazendas particulares, a terra é principalmente usada em uma base comum, com criação de cabras e gado.
  

suacasaaterra.blogspot.pt

Sem comentários:

Enviar um comentário