AVISO

O administrador deste blogue não é responsável pelas opiniões veiculadas por terceiros, nem a sua publicação quer dizer que delas partilhe, apenas as publica como reflexo da sociedade em que se inserem, dando-lhes visibilidade, mas nunca fazendo delas opinião própria.
Ao desenvolturasedesacatos reserva-se ainda o direito de eliminar qualquer comentário anónimo ou não identificado, que contenha ataques deliberadamente pessoais, que em nada contribuampara o debate de ideias ou para a denúncia de situações menos claras do ponto de vista ético.

Atenção este blog tem tradutor se quiser traduzir clique com o botão direito do rato ou procure o tradutor no fim da publicação e clique onde diz traduzir para português ou outro idioma.


domingo, 12 de março de 2017

12 de Março de 1947: A Doutrina Truman é anunciada para conter a expansão do comunismo


No dia 12 de Março de 1947, o presidente Truman, perante as pressões exercidas pela URSS sobre a Grécia e a Turquia, declara que existe a necessidade de encetar uma política de contenção do avanço do comunismo, naquela que ficou conhecida como a Doutrina Truman.



Nesta, Truman afirma a existência de um mundo dividido em dois modos de vida política, económica e de organização social diferentes sendo que, um deles  se caracterizaria pelas liberdades fundamentais do ser humano, pela democracia (eleições livres, instituições livres, governo representativo, inexistência de opressão política...) e corresponderia aos países ocidentais, liderados pelos EUA.


O outro seria anti-democrático, impondo através da força, a vontade de uma minoria à maior parte da população, controlando os meios de comunicação social, recorrendo à fraude eleitoral, não respeitando os direitos e liberdades individuais dos cidadãos. Este mundo seria liderado pela URSS que havia imposto o seu domínio a outros países (à Europa de Leste, por exemplo).

Perante o avanço da URSS e do seu domínio, aos EUA caberia a missão de ''apoiar os povos livres'', principalmente ao nível económico, uma vez que a estabilidade financeira permitiria a melhoria do nível de vida das populações e, consequentemente, diminuição da contestação social e da vulnerabilidade destas face às ideias de igualdade e justiça social do marxismo. Esta ajuda viria a concretizar-se num enorme plano de ajuda económica (que será abordado mais adiante) e que, para além dos objectivos de reconstrução europeia, tinha também a intenção de contenção do avanço do comunismo (''containment'').

Discurso de Truman

“No actual momento da história mundial, quase todas as nações têm de escolher entre dois modos de vida alternativos(...) A escolha não é frequentemente livre. Um modo de vida baseia-se na vontade da maioria e distingue-se pelas suas instituições livres,  por um governo representativo com eleições livres, garantias de liberdade individual, liberdade de expressão e de religião, e pela supressão das formas de opressão política. O segundo modo de vida baseia-se na vontade de uma minoria imposta pela  força à maioria. Assenta no terror e na opressão, no controlo da imprensa e da rádio, em eleições manipuladas e na supressão das liberdades individuais. Penso que a política dos Estados Unidos deve ser a de apoiar os povos livres que estão a resistir à subjugação por minorias armadas ou por pressões externas. Acredito que nossa ajuda deverá ser essencialmente a de natureza económica e financeira , essencial à estabilidade económica  e a uma vida política serena.
Fontes:
wikipédia (imagens)


Harry Truman

vídeo







Sem comentários :

Enviar um comentário