NOTA


Os textos assinados por outrem ou retirados de outros blogs ou sítios não reflectem necessáriamente a opinião ou posição do editor do "desenvolturasedesacatos"

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

CONSTA QUE....


Bernard Shaw (Nobel em 1926) foi um dia interpelado por Isadora Duncan, a vistosa bailarina americana, com a hipótese de gerarem «um filho perfeito» juntando a inteligência dele com a beleza dela. Não traindo a presumida genialidade, o escritor ter-lhe-á respondido: mas, senhora, infelizmente a criança poderá herdar a minha beleza e a sua inteligência.

Sem comentários:

Enviar um comentário