AVISO

OS COMENTÁRIOS, E AS PUBLICAÇÕES DE OUTROS
NÃO REFLETEM NECESSARIAMENTE A OPINIÃO DO ADMINISTRADOR DO "desenvolturasedesacatos"

Este blogue está aberto à participação de todos.


Não haverá censura aos textos mas carecerá, obviamente, da minha aprovação que depende da actualidade do artigo, do tema abordado, da minha disponibilidade, e desde que não contrarie a matriz do blogue.

Os comentários são inseridos automaticamente, com a excepção dos que o sistema considere como SPAM, sem moderação e sem censura.

Serão excluídos os comentários que façam a apologia do racismo, xenofobia, homofobia ou do fascismo/nazismo.


terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

A terra (histórias do adro (1) de António Garrochinho)


Então Tóine gostas da tu terra ?
- sim ! sempre sameio umas favas, uns greséus !
Não ! pergunto, se gostas da terra, das pessoas ?
- das pessoas que têm terra ? ê tenho pá aí uns bocadinhes, côsa pôca !
Não ! dos amigos da terra ?
- amigos da terra ! má quem raio já gosta da terra ? comprem tudo no super mercade !
Porra ! pergunto se gostas de vevêr na terra ?
- lá terê esse tempo ! quando fôr ali prá cerca das malvas, o
cemetéro !
Tás surdo que nem uma porta !
. sim na horta a terra sempre é melhor é má cuidada, má tratada
António Garrochinho

Sem comentários:

Enviar um comentário