AVISO

O administrador deste blogue
não é responsável pelas opiniões
veiculadas por terceiros
nem a sua publicação quer dizer
que delas partilhe, apenas as
publica como reflexo da
sociedade em que se inserem
dando-lhes visibilidade
mas nunca fazendo delas opinião própria.
Ao desenvolturasedesacatos reserva-se ainda o direito
de eliminar qualquer comentário anónimo ou não identificado, que contenha ataques
deliberadamente pessoais, que em nada contribuampara o debate de ideias ou para a denúncia
de situações menos claras do ponto de vista ético.


quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Jerónimo de Sousa alerta para "contrabando"até às eleições



Jerónimo de Sousa alerta para "contrabando"até às eleições 

O secretário-geral do PCP refere "muita falta de verdade". 

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, alertou esta sexta-feira que, até às eleições legislativas, "vai haver por aí muito contrabando" e "muita pantomina", com o PSD/CDS-PP a procurarem "criar a ideia de que o pior já passou". "Neste quadro [até às eleições de 04 de outubro] vai haver por aí muito contrabando, muita pantomina, refe por parte daqueles que, mistificando a realidade, procuram criar a ideia de que o pior já passou", avisou o líder comunista, durante um jantar-convívio com militantes e simpatizantes do partido na Feira de Agosto de Grândola. Mas a verdade, frisou o secretário-geral do PCP, que concorre às legislativas em coligação com o Partido Ecologista "Os Verdes", é que o PSD e o CDS-PP, nos quatro anos de governação, "tiveram a ação mais destruidora", graças à qual o país "recuou muitos e muitos anos". A coligação PSD/CDS-PP quer "apresentar a sua obra como um mal necessário", mas afirmando que, agora, o país já está "no bom caminho", disse Jerónimo de Sousa, defendendo que é preciso combater esta ideia. "É preciso acabar com esta mentira porque o que eles querem é, no essencial, se tivessem força e votos para isso, retomar essa ofensiva", alertou.

http://www.cmjornal.xl.pt