AVISO

O administrador deste blogue
não é responsável pelas opiniões
veiculadas por terceiros
nem a sua publicação quer dizer
que delas partilhe, apenas as
publica como reflexo da
sociedade em que se inserem
dando-lhes visibilidade
mas nunca fazendo delas opinião própria.
Ao desenvolturasedesacatos reserva-se ainda o direito
de eliminar qualquer comentário anónimo ou não identificado, que contenha ataques
deliberadamente pessoais, que em nada contribuampara o debate de ideias ou para a denúncia
de situações menos claras do ponto de vista ético.


quinta-feira, 20 de agosto de 2015

ALGARVE - RIA FORMOSA - DERRAME QUÍMICO JUNTO A OLHÃO INTERDITA NAVEGAÇÃO.


DERRAME QUÍMICO JUNTO A OLHÃO 

INTERDITA NAVEGAÇÃO.

Foi detectado um derrame de amoníaco para 


a ria formosa junto a Olhão. Neste momento 

a navegação está completamente interdita. 

No local junto à doca pesca já se encontra a 


polícia marítima e bombeiros.

Continuaremos a acompanhar os próximos 


desenvolvimentos.


S.O.S RIA FORMOSA(facebook)

ALGARVE - OLHÃO - Uma fuga de amoníaco numa fábrica do porto de Olhão provocou, esta quinta-feira, sete feridos, todos fora de perigo, e as autoridades aguardam que o químico evapore.




O capitão do porto de Olhão, Nunes Ferreira, explicou à Lusa que quando o incidente ocorreu os funcionários "realizaram logo as ações previstas nos protocolos de segurança, ao afastarem-se do local".


À chegada, os bombeiros tentaram logo conter a fuga, mas nas operações sete elementos da corporação e um militar da GNR ficaram feridos, embora estejam "já todos fora de perigo", afirmou o capitão do porto.
O responsável precisou que um dos elementos ficou ferido por contacto com o químico e os restantes por inalação.
Nunes Ferreira referiu que "ainda há amoníaco no ar", mas sublinhou que a "fuga está contida" e a segurança da população "está garantida", porque as autoridades levantaram um perímetro de 100 metros em redor do local, distância a partir da qual não há perigo para as pessoas.
As autoridades vão agora aguardar que todo o químico derramado evapore ou se dissipe na água para levantar o perímetro de segurança, disse ainda o capitão do porto de Olhão, prevendo às 19:00 que esse processo pudesse demorar cerca de duas horas.
"Dentro da fábrica é mais difícil essa dissipação acontecer, mas esperamos dentro de duas horas ter a situação resolvida", disse a fonte da capitania de Olhão.

PROGRESSISMO DE FACHADA





JÁ ANDAM OS MEDIA EM HISTERIA




É oficial: Alexis Tsipras demite-se e convoca eleições


Alexis Tsipras anunciou há poucos minutos, num anúncio feito ao país, que irá avançar com as eleições antecipadas, demitindo-se o primeiro-ministro do seu cargo.


"Em breves momentos irei apresentar a minha demissão e a demissão do meu governo ao presidente [Prokópis Pavlópoulos]", declarou esta quinta-feira Alexis Tsipras num anúncio feito perante as televisões gregas.
O primeiro-ministro deixa, assim, o seu cargo após oito meses de governação, no rescaldo do acordo selado com Bruxelas para a realização do terceiro resgate. A intenção é antecipar eleições.




"Entrego a minha demissão porque já esgotei o mandato que o povo me deu nas eleições de janeiro", acrescentou Tsipras, sublinhando que o acordo que conseguiu com os parceiros internacionais foi o melhor possível para a Grécia.
O responsável indica, ainda, estar "orgulhoso" do tempo que esteve na frente do governo grego e que a Europa já não é a mesma desde que o Syriza chegou ao poder.
Agora, o povo "deve decidir com o seu voto se tomamos as decisões acertadas", afirmou Tsipras, referindo às eleições antecipadas.

VÍDEO - TRAGÉDIA EM SANGALHOS - CASAL MORTO À FACADA, A MULHER ESTAVA GRÁVIDA, O HOMICIDA JÁ SE ENTREGOU

VÍDEO - TRAGÉDIA EM SANGALHOS - Casal morto à facada em Sangalhos - Mulher estava grávida e o homicida já se entregou.




Casal morto à facada em Sangalhos 

Mulher estava grávida e o homicida já se entregou. 




Um homem, de 43 anos, e uma mulher, de 41, foram esfaqueados mortalmente na manhã desta quinta-feira no apartamento onde residiam em Sangalhos, no concelho de Anadia, disse à Lusa fonte da GNR. 


O autor do crime, um ex-companheiro da mulher, já se entregou à PSP de Aveiro. A mulher estaria grávida, segundo declarações de um vizinho das vítimas à CMTV. "Choca porque é um casal novo e parece que a moça estava grávida", revelou. 


Um outro vizinho ainda tentou socorrer o casal quando foi alertado para o crime, mas chegou ao mesmo tempo que a polícia e os bombeiros. "Partiram o vidro para tentarem socorre-los na hora, mas já não havia nada a fazer. 


A polícia veio perguntar-me se sabia onde moravam os pais para ver se tinham uma chave suplente. Fui buscar os pais, falei-lhes com calma e disse-lhes que não se passava nada, que estavam só um pouco mal", contou o vizinho. 



O local está isolado e o caso está a ser investigado pela Polícia Judiciária. 


O alerta foi dado pelas 07h30, por uns vizinhos do casal que ouviram barulhos e viram umas poças de sangue no exterior da habitação, situada no rés-do-chão. 


Quando chegaram ao local, a GNR encontrou os dois elementos do casal já sem vida. "A vítima do sexo feminino estava no exterior da habitação e o elemento masculino estava no interior", disse a mesma fonte. 


Ao que parece, a mulher abriu a porta de casa ao agressor, que de imediato a esfaqueou. Em seguida, matou o homem e fugiu a pé. Horas depois entregou-se às autoridades.


VÍDEO

video

ALGARVE - FARO - COMISSÃO NACIONAL DE ELEIÇÕES DÁ RAZÃO A HENRIQUE NETO POR IMPEDIMENTO DE RECOLHAS DE ASSINATURAS NO FORUM ALGARVE



Recolha de assinaturas já teve quatro incidentes impeditivos


A Comissão Nacional de Eleições (CNE) voltou a dar razão à queixa apresentada pela candidatura presidencial de Henrique Neto, relativamente ao incidente que impediu uma ação de recolha de assinaturas no Fórum Algarve, no passado dia 9 de Agosto, protagonizado por um funcionário de uma empresa de segurança privada.


Na sua deliberação, a CNE afirma que “a atividade de propaganda política é livre, podendo ser exercida dentro ou fora dos períodos eleitorais. Trata-se, aliás, de um direito constitucional, decorrente, não só, dos direitos, liberdades e garantias de participação política como também da liberdade de expressão, integrando, por essa via, o conceito de propaganda eleitoral plasmado nas diversas leis eleitorais”.


Mais adiante, a CNE explica que "entende-se por «propaganda eleitoral» toda a atividade que vise direta ou indiretamente promover candidaturas, seja dos candidatos, dos partidos políticos, dos titulares dos seus órgãos ou seus agentes, das coligações, dos grupos de cidadãos proponentes ou de quaisquer outras pessoas, nomeadamente a publicação de textos ou imagens que exprimam ou reproduzam o conteúdo dessa atividade".


A propaganda eleitoral é, assim, uma atividade livre que não pode sofrer impedimentos nem discriminações, sem necessidade de autorizações prévias ou licenciamentos. Para a CNE, “este entendimento é aplicável, mutatis mutandis, à atividade de recolha de assinaturas para a criação de grupos de cidadãos eleitores ou para a candidatura à Presidência da República”.


Desta deliberação, a CNE deu conhecimento à Ministra da Administração Interna, ao Presidente do Conselho de Administração da Associação de Empresas de Segurança privada, à empresa Securitas e ao Diretor do Centro Comercial Fórum Algarve.


A candidatura de Henrique Neto lembra que o desconhecimento da Lei não pode beneficiar o infrator e estranha ainda mais que nem os agentes da PSP chamados a intervir nestas situações conheçam a Lei de modo a fazê-la cumprir. 
Já anteriormente, em Lisboa e Cascais, atitudes semelhantes resultaram em três reprovações idênticas da CNE.


www.avozdoalgarve.pt

PENSA UM HOMEM QUE JÁ VIU TUDO











VÍDEO








QUE GRANDE BORBOLETA






video

As 16 cidades mais fantasmagóricas do planeta - Corpos enterrados em cinzas vulcânicas ou casas invadidas pela areia do deserto. Eis as histórias das cidades sem vida do planeta Terra.









CIDADES FANTASMAS












Estas cidades foram deixadas para trás quando as guerras as fustigaram e os desastres as enterraram. Massacres, bombardeamentos, vulcões (e até a luxúria) deixaram estes locais sem vivalma que testemunhe o seu passado. Para trás ficaram memórias… ou a falta delas. Descubra as cidades mais fantasmagóricas do planeta nesta fotogaleria.












































































































observador.pt