AVISO

O administrador deste blogue
não é responsável pelas opiniões
veiculadas por terceiros
nem a sua publicação quer dizer
que delas partilhe, apenas as
publica como reflexo da
sociedade em que se inserem
dando-lhes visibilidade
mas nunca fazendo delas opinião própria.
Ao desenvolturasedesacatos reserva-se ainda o direito
de eliminar qualquer comentário anónimo ou não identificado, que contenha ataques
deliberadamente pessoais, que em nada contribuampara o debate de ideias ou para a denúncia
de situações menos claras do ponto de vista ético.


segunda-feira, 3 de agosto de 2015

UM VÍDEO CHOCANTE QUE PODE IMPRESSIONAR - A ELEFANTA TYKE





Se você for uma pessoa especialmente sensível 
com os animais recomendo que não veja o 
vídeo porque é terrível. A elefanta chamava-se 
Tyke e sua odisseia pelos circos começou em 1974. 
Neste ano foi capturada em Moçambique e foi 
testemunha de como mataram toda a sua 
família. A partir desse momento e durante anos 
sofreu um duro treinamento para que pudesse 
deleitar com seus truques os espectadores que iam 
ao circo. O treinamento destes animais selvagens 
baseia-se em surras, choques e deixá-los sem 
comida durante vários dias. O que fizeram seus 
domadores foi criar uma bomba de ódio que 
acabou por explodir.

VÍDEO



Os especialistas na doma de animais sabem de sobra que não é possível domar um animal selvagem sem recorrer à violência. Isto não quer dizer que existam casos isolados nos quais se possa tornar determinados animais mais dóceis, mas utilizam métodos de recompensa, nunca de castigo.
 http://www.mdig.com.br

VEJA AQUI OS VÍDEOS DO CASAMENTO DO EMPRESÁRIO DE FUTEBOL JORGE MENDES - VEJA ALGUMAS REACÇÕES POPULARES - O QUE ME IMPRESSIONOU FOI O PADRE MENTINDO COM QUANTO DENTES TINHA NA BOCA DIZER QUE A IGREJA NÃO COBRA NADA PELO SERVIÇO ! ESPERTOS OS "SENHORES DA IGREJA" DEIXAM AO CRITÉRIO DOS FREGUESES A MAQUIA A PAGAR



VÍDEO


CLIQUE NA SETA DO VÍDEO PARA ABRIR

video

cmtv


CICLISMO - 77ª VOLTA A PORTUGAL EM BICICLETA - JOSÉ GONÇALVES VENCE EM VIANA DO CASTELO


O ciclista português José Gonçalves (Caja Rural) venceu esta segunda-feira a quinta etapa da Volta a Portugal, no alto de Santa Luzia, em Viana do Castelo, com o espanhol Gustavo Veloso (W52-Quinta da Lixa) a manter a liderança.

José Gonçalves gastou 4:09.07 horas para cumprir os 169,4 quilómetros entre Braga e o alto de Santa Luzia, batendo os espanhóis Delio Fernández e Gustavo Veloso, ambos da W52-Quinta da Lixa, que fizeram o mesmo tempo.

Na geral, Gustavo Veloso mantém a liderança, agora com 15 segundos de avanço sobre Delio Fernández e 41 sobre o português Jóni Brandão (Efapel).

Na terça-feira, corre-se a sexta etapa, entre Ovar e Oliveira de Azeméis, num percurso de 154,1 quilómetros praticamente plano.



Classificação da 5.ª etapa

1.º José Gonçalves, 4:09.07 minutos
2.º Delio Fernández, m.t.
3.º Gustavo Veloso, m.t.

Classificação geral

1.º Gustavo Veloso, 23:10.25 horas
2.º Délio Fernández, a 15 s
3.º Jóni Brandão, a 41s

Desgrécia europeia

Desgrécia europeia


Na União Europeia, embora o Governo da cada país ainda tenha algumas minudências para decidir, mandam os mais fortes ― Alemanha e França ―, como é sobejamente sabido. São eles que telecomandam os restantes. É, por isso, à partida, um projeto fadado para o fracasso.
Quando um país cai na situação em que caíram a Irlanda, Portugal, Grécia… perde toda e qualquer margem de decisão. Só não perde o Governo para se manter a fachada da democracia e da autodeterminação. Mas é mera fachada, porque os eleitos por esses povos, durante os ditos resgates ― que são, de facto, sequestros ― não passam de meros fantoches. O que se está a passar na Grécia é disso eloquente e gritante exemplo.
Tsipras quis governar com o seu cérebro ― foi para isso que o povo o elegeu e o “reconduziu”, através do recente referendo ―, mas a manápula europeia disse aos Gregos, alto e bom som, que nem o povo, nem o Parlamento nem o Governo têm voto na matéria. Se querem dinheiro, têm de admitir a perda da soberania. Dito de outra forma: “Só vos emprestamos dinheiro, se formos nós a governar-vos, porque vós sois incapazes!”. Agora, Tsipras tem de governar ao contrário.  Democracia ao contrário, portanto.
Neste momento, a Grécia é um território o ocupado, vergado, desautorizado e miseravelmente humilhado pelos seus ímpares e pares europeus. Está privada da liberdade e da democracia. É uma expressiva alegoria desta Europa grávida de desuniões.

 diogodaveigabravio.blogspot.pt

"As ruas da Europa não são pavimentadas a ouro" - É o aviso deixado aos imigrantes ilegais pelos ministros do Interior da França e do Reino Unido que dizem que acabar com a presente crise é a prioridade dos dois países.

ATRAVÉS DE TSF, rádio de Portugal


"As ruas da Europa não são pavimentadas a ouro"

É o aviso deixado aos imigrantes ilegais pelos ministros do Interior da França e do Reino Unido que dizem que acabar com a presente crise é a prioridade dos dois países.

Reuters



Os ministros do Interior da França e Grã-Bretanha afirmam, numa declaração conjunta, a "prioridade" de acabar com a crise que tem levado milhares de migrantes a tentarem chegar a Inglaterra através de Calais, nas últimas semanas.

Ambos os países estão comprometidos em atacar o problema em conjunto e reforçaram a segurança para deter novas tentativas de imigrantes desesperados para entrarem na Grã-Bretanha através do canal da Mancha, uma operação arriscada que tem resultado em "ferimentos graves, e tragicamente, mortes", refere a declaração.

"Combater esta situação é a grande prioridade para os governos. Estamos comprometidos e determinados a resolver isto, e a resolver isto juntos", disseram o francês Bernard Cazeneuve e a sua homóloga britânica Theresa May, numa declaração publicada nos jornais Du Dimache (França) e Telegraph (Grã-Bretanha).

Centenas de migrantes têm tentado atravessar o túnel sob o canal da Mancha, perto de Calais (norte de França) na esperança de, através de comboio ou camião, alcançarem território britânico.

Pelo menos 10 migrantes morreram no túnel ou arredores ao tentarem a perigosa viagem desde junho.



TSF com Lusa
lusibero.blogspot.pt

MAIS UMA CORRIDA MAIS UMA VIAGEM ! MAIS UMA VIAGEM À ALEMANHA COM O GRUPO DA ARRAIOLOS E COM O DINHEIRO DOS TOLOS

Cavaco Silva participa no Grupo de Arraiolos na Alemanha

Hoje às 12:50
O Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, desloca-se à Alemanha entre os dias 20 e 22 de setembro para participar no 11.º encontro do Grupo de Arraiolos, constituído pelos chefes de Estado de nove países da União Europeia.
 
Cavaco Silva participa no Grupo de Arraiolos na Alemanha
FOTO NUNO VEIGA/LUSA/ARQUIVO
Grupo de Arraiolos reúne nove países da União Europeia
A deslocação, que coincide com os três primeiros dias da campanha eleitoral para as eleições legislativas de 4 de outubro, foi aprovada pela Assembleia da República no último plenário da atual legislatura, a 22 de julho, tendo sido publicada em Diário da República esta segunda-feira.
Este fórum junta informalmente, com periodicidade anual, os chefes de Estado de Portugal, Alemanha, Áustria, Eslovénia, Finlândia, Hungria, Itália, Letónia e Polónia - fundamentalmente, sem poderes executivos.
O último encontro do Grupo de Arraiolos foi organizado por Portugal a 29 e 30 de setembro do ano passado, e decorreu no Mosteiro de Tibães, no concelho de Braga.
O Grupo de Arraiolos reuniu-se pela primeira vez na vila alentejana de Arraiolos, em 2003, por iniciativa do então Presidente da República de Portugal, Jorge Sampaio, que procurou juntar um conjunto de chefes de Estado com poderes semelhantes aos seus para discutir o futuro da União Europeia

SOBRE O DESPEJO DO ALFARRABISTA CARLOS SIMÕES - Carta Aberta ao Exmo. Sr. Presidente da Câmara Municipal de Faro


Exmo. Sr. Presidente da Câmara Municipal de Faro




Paulo Alexandre Gonçalves Ribeiro, Cidadão e Munícipe da Cidade de Faro, vem
por este meio e publicamente, rogar a Vossa Excelência que seja concedido um
espaço, urgente, ao Alfarrabista, Exmo. Sr. Carlos Simões, Homem que muito fez
e faz pela Cultura e Livros usados e ou antigos. De certeza que muitos e muitas
conheceram o Alfarrabista Carlos Simões, sempre que precisaram de livros para
estudo ou lazer, assim como os entregaram para venda ou oferta. A Cidade de
Faro perderá um espaço único e será mais uma perda para a Cultura e para a
Educação das Gerações vindouras.
Com vontade e empenho, considero ser possível um local para o Alfarrabista.


Peço encarecidamente que a Câmara Municipal de Faro não deixe “morrer” algo
que Tod@s precisam: Livros usados e ou antigos.
Atenciosamente,

Paulo A. G. Ribeiro

Faro, 01 de Agosto de 2015

O ANJO CAÍDO - Angel - uma escultura realista e perturbadora


Os artistas chineses Sun Yuan e Peng Yusão são conhecidos por criar instalações utilizando cadáveres ou tecidos humanos, mas a criação em questão não envolve esse 'material' macabro.

A escultura hiper-realista nomeada 'Angel' mostra um anjo caído que possui a aparência de uma idosa e as asas, ao contrário da expectativa, não possui penas e se assemelham à pele humana. Para conseguir esse resultado, os artistas utilizaram gel de sílica, fibra de vidro e ferro.

Eles revelaram em seu site que a ideia do projecto é mostrar a tensão e a transição entre o mundo real e o sobrenatural. O anjo, um ser transcendental, teria perdido seus poderes e estaria inapto para realizar os propósitos de Deus.

www.emfechamento.com.br

As sombrias e surreais pinturas pós-apocalípticas com toques de terror e ficção de Dariusz Zawadzki


Dariusz Zawadzki
 é um artista polaco que cria incríveis pinturas. Usando variadas técnicas e materiais, dentre elas tinta a óleo e acrílica, Dariusz Zawadzki mistura técnicas clássicas de pintura com elementos surreais, criando criaturas e personagens sombrios, que parecem ter saído de mundos pós-apocalípticos devastados.


De facto, o artista mistura elementos de ficção científica pós-apocalíptica, num estilo meio "vilões de Mad Max", com detalhes surreais, como se os sobreviventes deste futuro distópico tivessem experimentado uma fusão com elementos infernais ou alienígenas. Sombrio, obscuro e com um toque de terror, as pinturas deDariusz Zawadzki nos levam a mundos oníricos, mas de pesadelos, em que demônios e abominações genéticas infestam a terra devastada e onde a esperança há muito já desistiu de florescer.

Com uma técnica espetacular e um domínio no uso das cores, as pinturas de Dariusz Zawadzki exibem um tom clássico, que parece envelhecido, o que destaca ainda mais o seu conteúdo, como se as pinturas fossem antigas e ancestrais, oferecendo uma visão surreal e sombria de um futuro distópico ou de cenasinfernais, em forma de previsões ou maldições.

Vejam as sombrias e surreais pinturas pós-apocalípticas com toques de terror e ficção de Dariusz Zawadzki:



Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

Cabeça biomecânica

Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

Deidade

Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

Santuário

Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

Ilha das sereias

Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

O aviador

Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

Abismo

Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

Legião

Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

A górgona

Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

O grande mistério da fé

Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

Leviatã

Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

Paraíso perdido

Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

Cabeça biomecânica

Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

Harpia

Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

Rainha

Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

Estranha cidade

Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

Últimos rituais

Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

A legião

Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

O ninho

Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

O olho da serpente

Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

Rastreador

Dariusz Zawadzki deviantart pinturas surreais sombrias distopia ficção científica apocalipse terror demônios

Alma branca, verme branco

Imagens via perfil de Dariusz Zawadzki no DeviantArt. Dica via Hi-Fructose - “Morpheus” Features Fantasy-Surreal Works by Jota Leal and Dariusz Zawadzki.
estou-sem.blogspot.pt

25 pinturas feitas para desafiar sua inteligência e instigar sua criatividade adormecida


Este pintor canadense criou pinturas fantásticas, quadros que mexem com a nossa imaginação e instigam o nosso senso criativo. São obras que levam o espectador a se perder, parecem uma ilusão de óptica e cada vez que você analisa, cria uma nova história em sua mente.
Segundo o artista, não são pinturas surrealistas e muito menos realistas, elas fazem parte de uma nova categoria. Para seus trabalhos ele deu o nome de “Realismo Mágico“. Robert Gonsalves ou Rob Gonsalves, começou a criar suas primeiras pinturas ainda criança, e de lá para cá desenvolveu uma a perspectiva e estilo único.
Misturando imagens reais com itens fantasiosos, Rob cria pinturas lindas que são muito semelhantes aos sonhos alucinantes que temos. Elas criam um limite claro entre o real e o imaginário, contando diversas histórias em uma mesma obra.
Com forte influência de pintores como Dalí, Escher e René Magritte, Rob Gonsalves aprendeu todos os estilos e criou o seu, com traços únicos e muito pessoais

awebic-pinturas-ilusao-1
awebic-pinturas-ilusao-2
awebic-pinturas-ilusao-3
awebic-pinturas-ilusao-4
awebic-pinturas-ilusao-5
awebic-pinturas-ilusao-6
awebic-pinturas-ilusao-7
awebic-pinturas-ilusao-8
awebic-pinturas-ilusao-9
awebic-pinturas-ilusao-10
awebic-pinturas-ilusao-11
awebic-pinturas-ilusao-12
awebic-pinturas-ilusao-13
awebic-pinturas-ilusao-14
awebic-pinturas-ilusao-15
awebic-pinturas-ilusao-16
awebic-pinturas-ilusao-17
awebic-pinturas-ilusao-18
awebic-pinturas-ilusao-19
awebic-pinturas-ilusao-20
awebic-pinturas-ilusao-21
awebic-pinturas-ilusao-22
awebic-pinturas-ilusao-23
awebic-pinturas-ilusao-24
awebic-pinturas-ilusao-25

www.pavablog.com