AVISO

O administrador deste blogue
não é responsável pelas opiniões
veiculadas por terceiros
nem a sua publicação quer dizer
que delas partilhe, apenas as
publica como reflexo da
sociedade em que se inserem
dando-lhes visibilidade
mas nunca fazendo delas opinião própria.
Ao desenvolturasedesacatos reserva-se ainda o direito
de eliminar qualquer comentário anónimo ou não identificado, que contenha ataques
deliberadamente pessoais, que em nada contribuampara o debate de ideias ou para a denúncia
de situações menos claras do ponto de vista ético.


sábado, 7 de fevereiro de 2015

ALGARVE - Amendoeiras em flor atraem centenas de pessoas a Castro Marim

Amendoeiras em flor atraem centenas de pessoas a Castro Marim

.
.
Mais de 400 pessoas juntaram-se, na manhã do último domingo, na Funchosa-de-Cima, freguesia de Odeleite, concelho de Castro Marim, para a décima edição do passeio pedestre “Amendoeiras em Flor”.
O encanto da paisagem serrana, agora colorida pelas amendoeiras em flor, o gosto pela atividade física e os momentos de convívio, são as razões apontadas pelos participantes para regressarem, ano após ano, à Cumeada da Alta Mora, que recebeu os caminhantes com um animado almoço.
Trata-se de uma iniciativa da Associação Recreativa, Cultural e Desportiva dos Amigos da Alta Mora (ARCDAA), que realiza este passeio anualmente com os apoios da Câmara Municipal de Castro Marim e da Junta de Freguesia de Odeleite.

ESTE SAUDOSISTA COM TIQUES DE PIDE E ARES DE SALAZAR ESTÁ COM MEDO - Rui Rio alerta para risco de Portugal imitar eleições gregas

Rui Rio alerta para risco de Portugal imitar eleições gregas

Ontem
O ex-presidente da Câmara do Porto, Rui Rio, disse, em Coimbra, que compreende os resultados eleitorais na Grécia e que Portugal está exposto a idêntico fenómeno se o fosso entre os partidos moderados e os cidadãos se acentuar.
MANUEL DE ALMEIDA / LUSA
Rui Rio participou no ciclo "Sintra em conferência"
"Aquilo que aconteceu na Grécia [vitória da esquerda nas legislativas de 25 de janeiro deste ano], também pode, eventualmente, acontecer em Espanha" e mesmo em Portugal, se se continuar a cavar "o fosso entre os partidos mais moderados e as pessoas", sustentou o antigo autarca, que falava, ao princípio da noite de hoje, em Coimbra, numa sessão de apresentação do livro 'Rui Rio de corpo inteiro'.
O anterior presidente da Câmara do Porto e antigo deputado do PSD compreende a opção dos cidadãos gregos, mas não concorda com ela, "nem votaria assim" se fosse eleitor naquele país, assegurou.

"Estes resultados [eleitorais na Grécia] vêm de encontro" ao perigo para o qual "tenho alertado", afirmou Rui Rio, defendendo a necessidade de os partidos políticos inverterem o "cada vez maior afastamento das pessoas".
Os partidos são "um pilar fundamental do regime democrático", mas "estão desacreditados", afirmou o antigo dirigente social-democrata, considerando que "não há um afastamento das pessoas em relação aos políticos, mas -- e isso é mais grave -- há um afastamento" entre os cidadãos e a política.
"Os políticos não são todos iguais" e "há políticos de qualidade, mas [estes] são cada vez menos", salientou.
Sobre a sua eventual candidatura à Presidência da República ou a primeiro-ministro, Rui Rio, questionado por participantes na sessão, disse "a mesma coisa" que tem dito, isto é, voltará se "sentir que há entusiasmo em torno do [seu] regresso a um eventual cargo político".
Não se trata de esperar por "uma passadeira vermelha" ou "uma manifestação nos Aliados", mas antes de reafirmar que "qualquer regresso à vida pública, à vida política, há de passar por aquilo que for" a sua "sensibilidade", conclui o ex-autarca do Porto.
Na sessão de apresentação da biografia de Rui Rio também intervieram o autor do livro (que foi lançado em dezembro), Mário Jorge Carvalho, e o deputado e professor da Faculdade de Direito de Coimbra Paulo Mota Pinto.
Na apresentação da obra e do biografado, Paulo Mota Pinto apontou "a seriedade e a transparência", "a independência de espírito e a coragem" e "a firmeza e o rigor" como características de Rui Rio, que também possui "flexibilidade para promover consensos".
"Penso que Portugal tem ainda muito a esperar de Rui Rio", afirmou o antigo membro do Tribunal Constitucional.

Portugal. - Governo quer bloquear sites radicais- Estratégia nacional prevê reintegração de jovens portugueses que desistam de campos de treino e aposta em polícias infiltrados em redes

HOJE NO
"i"

Portugal. 
Governo quer bloquear sites radicais

Estratégia nacional prevê reintegração de jovens portugueses que desistam de campos de treino e aposta em polícias infiltrados em redes

Apostar na reintegração de jovens portugueses que estão em campos de treino, bloquear sites para travar o recrutamento de grupos radicais e apertar as regras para obter a nacionalidade portuguesa são algumas das medidas que o governo quer ver no terreno para combater o terrorismo. 
 .

O próximo será dado na segunda-feira: a ministra da Administração Interna vai reunir-se em Lisboa com o homólogo espanhol. O encontro terá como ponto de partida a prevenção e o combate ao fenómeno e servirá para Anabela Rodrigues pôr Jorge Fernández Diaz a par dos esforços do governo português. A estratégia deverá passar, entre outras alterações, pelo aumento das penas dos crimes ligados ao terrorismo ou pela reintegração de jovens portugueses que se tenham alistado em campos de treino jihadistas e entretanto desistam da causa. 

O pacote de medidas foi amplamente discutido esta semana. Primeiro numa reunião do Conselho Superior de Segurança Interna - órgão de consulta presidido pelo primeiro-ministro e onde têm assento, entre outros, responsáveis das forças de segurança, das Forças Armadas e dos serviços de informação. Na terça- -feira a proposta voltou a estar em debate numa reunião do Conselho Superior do Ministério Público que aconteceu na Presidência do Conselho de Ministros. 
 .

Agora, e depois de recolhidos contributos de vários sectores, as alterações deverão ser aprovadas já na próxima semana em Conselho de Ministros. Depois disso terão ainda de passar pela Assembleia da República. As medidas, como o i adiantou esta semana, implicarão uma série de mudanças legislativas. 

CAMPOS DE TREINO  
No âmbito da prevenção, o governo quer apostar na reintegração de jovens que se tenham alistado em campos de treino de grupos radicais e entretanto desistam e queiram voltar atrás. Segundo o Observador, o governo defende que não há crime enquanto não forem cometidos actos terroristas - sendo, por isso, possível apostar na reabilitação em muitos casos. Outra das intenções passa por bloquear sites radicais, uma vez que a internet tem sido o principal veículo de recrutamento. Uma equipa do Gabinete Nacional de Segurança passará a dar maior atenção a perfis nas redes sociais e a mensagens que façam uma apologia do terrorismo - comportamento que, entretanto, será criminalizado. 

Está ainda previsto o aumento das penas para os crimes de terrorismo e de actos preparatórios - actualmente punidos com um a oito anos de prisão - e a clarificação do próprio conceito dos crimes de terrorismo, criminalidade organizada e actos preparatórios de terrorismo. Terão também de ser feitos acertos na lei de segurança interna, de modo a reforçar a articulação e a partilha de dados, no terreno, entre as várias forças de segurança e o Ministério Público. Por outro lado, e segundo o Observador, a lei de acções encobertas também deverá sofrer alterações - de maneira a facilitar a entrada de agentes infiltrados das polícias e dos serviços de informação em organizações terroristas. 
 .

Quanto à lei da nacionalidade, o governo quer introduzir apenas um novo critério para a concessão da naturalização: passará a ser obrigatório averiguar, antes de desencadear o processo, se a pessoa poderá constituir uma ameaça à segurança nacional. A medida deverá estender-se igualmente à atribuição dos vistos de residência e dos vistos gold. 

Por outro lado, a vigilância em fronteiras, portos e aeroportos será reforçada, com o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) a desempenhar um papel importante neste âmbito. Além de uma aposta na prevenção e na vigilância, passará a ser mais fácil fazer detenções nas fronteiras e em aeroportos no caso de existirem suspeitas de que um determinado indivíduo vai viajar com a finalidade de integrar grupos terroristas no estrangeiro.

Manual de prevenção e combate ao terrorismo 

Todas as mensagens de apologia ao terrorismo nas redes sociais são investigadas?
Não necessariamente. A Polícia Judiciária (PJ) tem uma unidade vocacionada para o combate e a prevenção do terrorismo, que pesquisa regularmente fontes abertas na internet. Recentemente foi detido um homem nos Açores que anunciou nas redes sociais ser simpatizante da causa jihadista e que iria partir para a Síria. 

Os especialistas explicam, porém, que isto não basta para considerar alguém suspeito: é preciso cruzar estas informações com outras, como a participação em determinados circuitos online usados pelas redes terroristas.   

O que faz a unidade contra o terrorismo da PJ?
É um trabalho invisível e silencioso e que consiste sobretudo na troca e partilha de informações com outras polícias, nacionais e estrangeiras. A partilha de informação é constante e boa parte do trabalho é feito em articulação com outras unidades da Polícia Judiciária. 

Quem coordena, em Portugal, a resposta ao terrorismo?
Em 2003 foi criada a Unidade de Combate Antiterrorismo (UCAT), composta por elementos de todas as polícias e serviços de informações. A cúpula da UCAT reúne ordinariamente uma vez por mês na sede da Polícia Judiciária (PJ). Nessas reuniões são feitos balanços e pontos de situação.  

Quando é que alguém passa a ser considerado suspeito?
É difícil dizer no plano teórico. As polícias poderão, por exemplo, considerar que dois árabes avistados a fotografar a Assembleia da República constituem um indício de situação suspeita? Não há uma resposta linear, até porque a segurança e a investigação esbarram nas liberdades, direitos e garantias dos cidadãos. 

É feita vigilância a pontos sensíveis?
Sim. A PJ costuma vigiar, por exemplo, movimentações em redor das mesquitas de Lisboa. 

Existe um perfil de suspeito? 
Não há um perfil do jihadista europeu. Sabe-se que são maioritariamente homens entre os 18 e os 35 anos, embora cada vez mais mulheres estejam a aderir à causa. 


As autoridades acreditam que, no caso português, existirá uma preponderância de cidadãos luso-franceses. Têm entre 18 e 40 anos e são recém-convertidos ao islão. A maior parte não viveu muito tempo em Portugal, embora tenham laços familiares em território nacional. 

Portugal é considerado um país de risco?
A posição geográfica de Portugal merece atenção em termos de segurança, por ser uma porta de entrada para a Europa e para o Espaço Schengen. No que diz respeito especificamente ao fenómeno do terrorismo, acredita-se que Portugal possa ser um local de recuo – descanso – e de passagem para eventuais terroristas. Além disso, poderá ser um vértice de financiamento a acções terroristas. 

Têm sido detectadas ameaças concretas?
Os últimos relatórios anuais de Segurança Interna têm apontado para o risco de ameaças reais e para o facto de Portugal poder servir para acolher estruturas de apoio a organizações terroristas. A questão pôs-se, durante muito tempo, com a ETA. Porém, a única situação concreta com que as polícias nacionais tiveram de lidar ocorreu em 2010: uma casa em Óbidos serviu de refúgio a dois etarras. Na altura, o Ministério Público entregou o caso à GNR e não à PJ – que tem a competência exclusiva para investigar o terrorismo.  

* Portugal não tem outra opção, o combate ao terrorismo é obrigatório.



apeidaumregalodonarizagentetrata.blogspot.pt

PURO SANGUE LUSITANO - O CAVALO DE SELA MAIS ANTIGO NO M UNDO



lusibero.blogspot.pt

Putin recebe Merkel e Hollande com a diplomacia presa por um fio

Putin recebe Merkel e Hollande com a diplomacia presa por um fio


Putin recebe Merkel e Hollande com a diplomacia presa por um fio
Chanceler alemã e Presidente francês foram a Moscovo fazer uma contraproposta ao Presidente russo. Moscovo diz que conversações forma construtivas e diz que resultados da reunião serão divulgados no domingo.
***«»***
Armar o exército ucraniano, como pretende o Congresso dos EUA, significa uma declaração de guerra à Rússia.




alpendredalua.blogspot.pt

País a saldo O executivo prepara-se para privatizar a TAP, mais uma pechincha. Passos irá passar à história como o privatizador

PAULO MORAIS

.





Passos Coelho privatiza tudo: BPN, EDP e REN, Fidelidade, ANA, EGF, e agora também a TAP. Aliena ao desbarato o património público, numa sequência de processos manchados pela promiscuidade entre decisores públicos que vendem e os adquirentes privados. 

A primeira venda em saldo foi a do BPN aos angolanos, à pressa e sob o falso pretexto de que a Troika impunha prazos curtos. Veio a seguir a EDP, entregue de mão beijada aos chineses. O conflito de interesses entre privados e públicos nem sequer foi disfarçado. Mesmo a comissão parlamentar responsável pela fiscalização do processo era constituída pelos próprios intervenientes: o deputado Frasquilho era quadro da BESI (do BES), entidade que assessorou os chineses na compra; Mesquita Nunes era jurista na sociedade de advogados encarregue do processo de privatização. Com a REN, passou-se o mesmo. Resultado: o estado chinês é agora um dos maiores patrões no nosso país e detém, em monopólio, um recurso estratégico vital, a rede elétrica. 

E a saga continuou. Na alienação da Empresa Geral de Fomento, líder na gestão de resíduos urbanos, o governo foi assessorado pela sociedade de advogados Morais Leitão, Galvão Teles, Soares da Silva. E o concurso foi ganho pela Mota-Engil, cujos advogados são os mesmos. Estranha foi ainda a privatização dos CTT. Em vésperas da venda, já o ministro Maduro anunciava a criação dos ‘balcões do cidadão’, serviço público pelo qual o Estado terá de pagar aos correios, agora privados. Lucros garantidos para o novo dono, a Goldman Sachs do social-democrata Luís Arnaut. 

O governo chegou ao ponto de entregar a ANA (Aeroportos e Navegação Aérea) ao grupo Vinci, que poderá exercer o direito de construir o novo aeroporto em Alcochete, onde apenas se pode aceder pela ponte Vasco da Gama, cujo proprietário é a própria Vinci. 

E, agora, em fim de mandato, o executivo prepara-se para privatizar a TAP, mais uma pechincha. Passos irá passar à história como o privatizador. Os empresários bafejados com a compra de monopólios em saldo agradecem. Mas os portugueses nunca lhe perdoarão a cumplicidade com este saque. 

Dívida pública e nova empresa 
Que fazer à dívida pública?
Deve ser parcialmente paga, de forma justa e sustentada. Devem-se honrar os empréstimos contraídos com juros decentes, que geraram investimentos socialmente úteis. O esforço de pagamento deve ser limitado a três por cento do PIB, à semelhança dos países cumpridores. E não o dobro, como agora acontece, à custa do sofrimento do povo. 

A criação da Infraestruturas de Portugal é uma boa decisão? 
Não. A entidade resulta da fusão da Estradas de Portugal com a Refer, detentora das linhas ferroviárias. Teme-se que a nova empresa não invista em ferrovia moderna, que permita transportes mais baratos e menos poluentes; para proteger detentores de PPP rodoviárias e algumas empresas transportadoras.

IN "CORREIO DA MANHÃ"
31/01/15 

apeidaumregalodonarizagentetrata.blogspot.pt

HOJE - CONCENTRAÇÃO DE SOLIDARIEDADE COM A GRÉCIA (LISBOA, 7 DE FEVEREIRO DE 2015)



ephemerajpp.files.wordpress.com

ENQUANTO A FREGUESIA DE SANTA BÁRBARA DE NEXE É DESPREZADA MISERAVELMENTE HÁ ANOS COM TODAS AS ESTRADAS A CAUSAR ESTRAGOS AOS SEUS UTENTES - Variante Norte a Faro já tem pavimento (com fotos)

Variante Norte a Faro já tem pavimento (com fotos)

by Ricardo Claro on 5-Fevereiro-2015
variante 1
Uma das passagens superiores a que ainda falta o tabuleiro de circulação automóvel
A Variante Norte a Faro, uma obra lançada pelo Governo de José Sócrates em 2009 e que esteve parada desde de 2011 até Agosto de 2014, avança agora a bom ritmo com as obras a darem sinais significativos de avanço.
O sinal mais visível do avanço dos trabalhos n está no condicionamento de trânsito à entrada de Faro, no troço da Estrada Nacional (EN) 125 entre Faro e Olhão, que se faz agora por apenas duas vias de trânsito, uma em cada sentido, por uma extensão de mais cerca de 150 metros.
Os constrangimento ao trânsito que se agravam nas horas de ponta da manhã e da tarde para os utilizadores desta via devem durar por algum tempo que a autarquia de Faro desconhece, não podendo quantificá-lo, apurou o POSTAL.
Um custo actual do avanço dos trabalhos que decerto compensará numa obra que prevê tirar das artérias da cidade cerca de 30 mil veículos por dia, ao facilitar o trânsito dentro da cidade e a conservação do pavimento das ruas de Faro, bem como, permitirá maior rapidez e comodidade nas viagens entre o sotavento e o barlavento que atravessavam até aqui o perímetro urbano da capital de distrito com as consequentes demoras. 
passagem superior Estrada da Caldeira do Neto
A passagem superior da Estrada da Caldeira do Neto entre o Rio Seco e a Conceição de Faro já tem tabuleiro
“A obra de Santa Engrácia” já tem zonas com tapete betuminoso
Apelidada já pelo PS/Faro como a obra de Santa Engrácia, a Variante Norte a Faro incluída nas obras de requalificação da EN 125 apresenta já zonas com tapete betuminoso às quais pouco mais falta para estarem prontas do que ser pintada a sinalização horizontal e a colocação da sinalização vertical.
Retomada a obra pela concessionária Estradas do Algarve Litoral em Agosto do ano passado – depois de ter estado prevista inicialmente a sua conclusão em Fevereiro de 2012 – tem no entanto ainda por completar obras complicadas, nomeadamente a estrutura do futuro nó de acesso à Variante à EN 2 (Estrada de São Brás), o tabuleiro da passagem superior da Estrada da Penha (Estrada Municipal (EM) 518), o tabuleiro da passagem superior da EM 522 (Estrada de Pechão) e as rotundas de acesso à actual rotunda de acesso à saída Olhão que constituirão o nó de acesso à variante para quem esteja em Faro nas zonas do porto comercial, Bom João, São Luís e Penha.
variante 3
Os trabalhos de pavimentação da variante avançam a bom ritmo
Previsão de termo das obras, as sucessivas falhas nos prazos
Além das sucessivas falhas no cumprimento dos prazos iniciais, o consórcio responsável pela obra disse ao presidente da autarquia Rogério Bacalhau que a área de intervenção prioritária, depois da retoma dos trabalho em Agosto passado, seria a passagem superior da Estrada da Penha para que esta ligação à Freguesia da Conceição de Faro pudesse ficar transitável.
A promessa de que cerca de três meses depois a Estrada da Penha reabriria ao trânsito já falhou. Cinco passados a travessia superior da Estrada da Penha à variante nem sequer ainda tem tabuleiro.
As obras concentraram-se isso sim na aplicação tapete betuminoso entre o nó da Variante Norte a Faro com a futura variante à EN 2 e a EM 518 que liga o Rio Seco à Conceição de Faro, na reparação dos danos causados pela paragem das obras e na obra de ligação da Variante Norte a Faro com a actual EN 125 para Olhão.
Sem poder quantificar quanto tempo mais ficará a Estrada da Penha fechada, a câmara avança que “espera que esta abra em breve”, antes da própria variante, cuja abertura se prevê, apurou o POSTAL, para Junho de 2015.
Entretanto, na saída para Olhão, dentro em breve, o trânsito será cortado para restabelecer a ligação à EM 522, passando o acesso a fazer-se já pela nova Variante através do nó rodoviário de acesso a Faro que é constituído por uma primeira rotunda na própria variante e uma segunda rotunda junto à pista de atletismo municipal que permitirá a ligação à Av. Cidade Hayward e à estrada de acesso ao cais comercial. 
Vista do perfil da variante
Vista do perfil da variante. Na imagem a passagem superior da estrada da Penha ainda sem tabuleiro
Os números da Variante:
Custo: 14 milhões de euros (valores de 2012)
Extensão: 2.535 m
Nós rodoviários: 2
Pontes: 3
Passagens superiores: 6
Passagens inferiores: 1
Vias: 4 (duas em cada sentido com 3,5 metros cada)
Separador central de 2 metros
Bermas com 2,5 metros
Category EconomiaSociedade and tagged .

ROSTOS DO SEIXAL - MARIA ODETE GONÇALVES - UMA MULHER QUE NOS MERECE RESPEITO E CONSIDERAÇÃO


Sábado com previsão de neve no Algarve

Sábado com previsão de neve no 



Algarve

Sábado com previsão de neve no Algarve

De acordo com as informações do Instituto do Mar e Atmosfera, todos os distritos de Portugal continental estão sob alerta amarelo devido ao frio.
 
O distrito de Faro também integra a lista devido à previsão de queda de neve na Serra de Monchique.
 
As baixas temperaturas e o acentuado arrefecimento noturno estão a dar lugar a alertas por parte também das autoridades de saúde que sugerem cuidados especiais para com crianças, idosos e doente crónicos.
 
O Instituto Português do Mar e Atmosfera (IPMA) prolongou até domingo o aviso amarelo, o terceiro mais grave de uma escala de quatro, emitido para os 18 distritos de Portugal continental devido ao tempo frio.
 
Para este sábado está prevista a continuação de tempo frio, com céu pouco nublado ou limpo, um acentuado arrefecimento noturno com formação de geada especialmente nas regiões do interior, e ainda a ocorrência de precipitação fraca, no sul e baixo Alentejo, que será sob a forma de neve na serra de Monchique.
 
De acordo com a informação publicada na página da Internet do IPMA, todos os distritos do continente vão estar sob aviso amarelo (o terceiro mais grave de uma escala de quatro) devido à persistência de valores baixos das temperaturas mínimas até às 08h00 de domingo.
 
Só na terça-feira, as temperaturas vão começar a subir nas regiões litoral centro e sul, informa o IPMA.
 

AS MAIORES CRIATURAS QUE SE ESCONDEM NO FUNDO DOS OCEANOS

As maiores criaturas que se escondem sob a superfície do oceano

Confira algumas das maiores criaturas que habitam nossos oceanos. São impressionantes.
Baleia Azul

Com 30 metros e 180 toneladas de peso, a baleia azul é o maior animal conhecido que já existiu. Durante a temporada de verão, uma baleia consegue comer 40 milhões de camarões por dia (esquerda baleia azul e direita o crânio de uma baleia azul). 
Polvo gigante

Estes seres misteriosos das profundezas são os maiores invertebrados da Terra. O maior já encontrado media 18 metros de comprimento e pesava quase uma tonelada.
Isopod gigante

Um tipo de crustáceo distantemente relacionado com o camarão e o caranguejo, o Isopod gigante tem um peso máximo de 1,7 kg e mede 76 centímetros.
Baleia-comum

Também chamada de baleia fin, este mamífero é o maior animal após a baleia azul, crescendo até 27 metros de comprimento e pesando cerca de 74 toneladas.
Polvo pacífico gigante

Este cresce e vive mais tempo que qualquer outra espécie de polvo. O maior já media 9,1 metros de diâmetro e pesava mais de 272 kg.
Arraia manta oceânica

Manta oceânica é o maior tipo de arraia do mundo. Elas podem crescer até 9 metros e podem viver por 20 anos.
Elefante-marinho do sul

São os maiores da espécie, podendo alcançar 6 metros de comprimento e pesar até 4000 kg. Curiosamente, eles não são chamados de elefantes por causa do seu tamanho, mas sim por causa do seu focinho.
Cachalote

Podem atingir 20,5 metros com a cabeça que representa até um terço do seu comprimento. A cachalote é capaz de mergulhar a 7.380 pés de profundidade em busca de lulas, suas presas favoritas.
Oarfish gigante

Ele começa bem pequeno, mas cresce e se torna o mais longo peixe ósseo vivo, alcançando 11 metros de comprimento.
Juba de leão

É a maior espécie conhecida de águas-vivas. O maior espécime encontrado tinha 2,3 metros de diâmetro e tentáculos de 37 metros de comprimento, conforme mostra a imagem acima.
Tubarão-baleia

O maior espécime confirmado tinha 12,65 metros de comprimento e pesava 21,5 toneladas.
Estrela do mar gigante

Encontrada ao longo da costa ocidental da América do Norte, elas crescem até 61 cm de diâmetro.
Caranguejo aranha japonês

Possui a maior extensão de pernas que qualquer artrópode, atingindo 3,8 metros de garra a garra. O corpo pode crescer a um tamanho de 40 cm (largura da carapaça) e todo o caranguejo pode pesar 19 kg.
Tubarão branco

Conhecido por seu tamanho e ferocidade, um tubarão branco maduro pode medir 6,4 metros de comprimento e pesar mais de 3 ton. Sua vida é estimada em 70 anos, e ele pode alcançar mais de 56 km/h.
Moluscos gigantes

Este molusco da foto foi o maior já encontrado, capaz de atingir 1.2 metros de comprimento e pesar mais de 227 kg. Ele prende-se a um ponto em um recife e permanece lá para o resto da vida.

copiasnanet.blogspot.pt