AVISO

O administrador deste blogue
não é responsável pelas opiniões
veiculadas por terceiros
nem a sua publicação quer dizer
que delas partilhe, apenas as
publica como reflexo da
sociedade em que se inserem
dando-lhes visibilidade
mas nunca fazendo delas opinião própria.
Ao desenvolturasedesacatos reserva-se ainda o direito
de eliminar qualquer comentário anónimo ou não identificado, que contenha ataques
deliberadamente pessoais, que em nada contribuampara o debate de ideias ou para a denúncia
de situações menos claras do ponto de vista ético.


quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

O POVOADO DOS GÉMEOS - Só em 2008 nasceram 15 pares de gêmeos neste remoto e pequeno povoado chamado Kodinhi, em Kerala na Índia. Nos últimos 5 anos foram 60 pares e atualmente moram ali 220 duos iguais, algo próximo a cidade dos gêmeos, Cândido Godoy no RS. A explicação está na alta taxa de endogamia.

Só em 2008 nasceram 15 pares de gêmeos neste remoto e pequeno povoado chamado Kodinhi, em Kerala na Índia. Nos últimos 5 anos foram 60 pares e atualmente moram ali 220 duos iguais, algo próximo a cidade dos gêmeos, Cândido Godoy no RS. A explicação está na alta taxa de endogamia.

SIGNIFICADO DE ENDOGAMIA :Condição de endógamo; estado da pessoa que só se casa com outra porque ambas pertencem a mesma classe e/ou tribo, visando preservar suas nobrezas, raças etc 


O povoado dos gêmeos, uma aldeia com cópias de segurança

O povoado dos gêmeos, uma aldeia com cópias de segurança

O povoado dos gêmeos, uma aldeia com cópias de segurança

O povoado dos gêmeos, uma aldeia com cópias de segurança


http://www.mdig.com.br/

Ewa Sonnet - ela canta bem mas para além de cantar gosta de mostrar muito mais do seu talento






Todo o talento de Ewa Sonnet
Todo o talento de Ewa Sonnet
Todo o talento de Ewa Sonnet
Todo o talento de Ewa Sonnet
Todo o talento de Ewa Sonnet
Todo o talento de Ewa Sonnet
Todo o talento de Ewa Sonnet
Todo o talento de Ewa Sonnet
Todo o talento de Ewa Sonnet

Português é a 4ª língua mais falada do mundo

Português é a 4ª língua mais falada do mundo



O português é atualmente a quarta língua mais falada no mundo, segundo dados apresentados na exposição Potencial Económico da Língua Portuguesa em exibição no Parlamento Europeu. Esta exposição, do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua e de uma equipa de investigadores do ISCTE/IUL – Instituto Universitário de Lisboa, tem como missão rentabilizar e projetar o valor de mercado da língua portuguesa através do Parlamento Europeu, em Bruxelas. A exposição, que tem em conta os conteúdos do estudo realizado por investigadores do ISCTE, sob a coordenação de Luís Reto, está patente de 18 a 21 de fevereiro. A língua portuguesa atingiu a sua plena identidade linguística no início dos Descobrimentos, no século XV, e hoje é usada por mais de 250 milhões de pessoas como idioma oficial. Este universo de falantes representa mais de 7% da superfície continental da Terra. São oito os países de língua oficial portuguesa, Portugal, Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste, todos eles países plantados à beira-mar e que representam 4% da riqueza mundial. Tudo indica que em 2050, mais 100 milhões de pessoas se vão juntar ao número de falantes de português. 350 milhões vão manter a língua portuguesa no topo de idiomas mundiais, a terceira mais falada na Europa, depois do inglês e do espanhol. O português é ainda uma das línguas que regista uma das taxas de crescimento mais elevadas nas redes sociais e na aprendizagem como língua estrangeira.


soteconto.blogspot.pt

CURIOSIDADE SOBRE O QUADRO DA ÚLTIMA CEIA DE LEONARDO DA VINCI

De antemão aviso que esta história tem detratores e defensores de sua veracidade, possivelmente os primeiros estejam com a razão. Mas mesmo assim resolvi publicá-la por resultar muito pitoresca e até certo ponto edificante. Segundo diversas fontes sobre o assunto, tanto a forma que Leonardo encontrou o modelo, como o final da história é bastante diverso. Leiam, vocês vão gostar.


Curiosidade da última ceia de Leonardo Da Vinci
Leonardo Da Vinci levou sete anos para completar sua famosa obra entitulada "A Último Ceia". As figuras que representam os 12 apóstolos e Jesus foram tomadas de pessoas reais e a pessoa que seria o modelo para ser Cristo foi a primeira em ser selecionada.

Quando souberam que Da Vinci pintaria esta obra, centenas de jovens se apresentaram ante o artista para serem selecionados. Ele buscava um rosto que mostrasse uma personalidade inocente, pacífica e ao mesmo tempo bela. Buscava um rosto livre das cicatrizes e os duros traços deixados pela vida intranqüila do pecado. Finalmente, após alguns meses de busca selecionou um jovem de 19 anos de idade como seu modelo para pintar a imagem de Jesus. Por 6 meses Leonardo trabalhou para pintar somente o personagem principal da magnânima obra.

Durante os 6 anos seguintes, Da Vinci continuou sua obra buscando às pessoas que representariam os 11 apóstolos; deixando para o final àquele que representaria Judas, o apóstolo "entregão" que traiu Cristo por 30 moedas de prata. Por semanas ele procurou um homem com uma expressão dura e fria. Um rosto marcado por cicatrizes de avareza, decepção, traição, hipocrisia e crime. Um rosto que pudesse identificar uma pessoa que sem dúvida alguma trairia seu melhor amigo. Após muitas frustradas tentativas na busca deste modelo chegou aos ouvidos de Leonardo que existia um homem com estas características no calabouço de Roma.

Este homem estava sentenciado a morte por ter levado uma vida de roubo e assassinatos. Leonardo viajou a Roma assim que soube isto e pediu para ver aquele homem sob a luz do sol. Ele se deparou com um homem sem vida, todo maltratado com os cabelos longo caindo sobre seu rosto e escondendo dois olhos cheios de rancor, ódio e ruína. Enfim Leonardo encontrara a face para modelar Judas em sua obra.

Por meio de uma permissão do rei, este prisioneiro foi transladado ao estúdio do artista em Milão e por vários meses o homem sentou-se silenciosamente em frente a Da Vinci enquanto ele continuava dando vida ao personagem na obra de arte.

Quando Leonardo deu a última pincelada de seu quadro, voltou-se aos guardas do prisioneiro e solicitou que levassem-no dali. Mas quando saíam do recinto o prisioneiro soltou-se e correu para Leonardo gritando:

- "Da Vinci! Olha para mim! Não reconheces quem sou?" Leonardo Dá Vinci estudou-o cuidadosamente e respondeu:

- "Nunca te vi em toda minha vida, até aquela tarde no calabouço de Roma." O prisioneiro levantou seus olhos ao céu, caiu de joelhos ao solo e gritou desesperadamente:

- "Será que caí tão baixo assim!", depois voltou novamente seu rosto ao artista e disse:

- "Leonardo! Olhe-me novamente, pois, eu sou aquele jovem cujo rosto escolheste para representar a Cristo há sete anos..."
Curiosidade da última ceia de Leonardo Da Vinci




Alguns historiadores afirmam que a obra foi concluída em três anos, enquanto outros ressaltam que demorou quatro anos para ser concluída. Mas todos concordam que ela sofreu vários retoques, dados pelo próprio Leonardo da Vinci, ao longo dos 20 anos seguintes.


 http://www.mdig.com.br/

CARROS LEGENDÁRIOS -32 fotografias de carros legendários, veículos made in USA com as características clássicas da era do petróleo barato, motores potentes e carrocerías de filme de ficção nestes autênticos carros de super herói. Chevrolet, Dodge e todas essas marcas de sonho em máquinas que foram parte do sonho de muito marmanjo. Tuning a toda prova.

32 fotografias de carros legendários, veículos made in USA com as características clássicas da era do petróleo barato, motores potentes e carrocerías de filme de ficção nestes autênticos carros de super herói. Chevrolet, Dodge e todas essas marcas de sonho em máquinas que foram parte do sonho de muito marmanjo. Tuning a toda prova.

Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários
Carros legendários


http://www.mdig.com.br/

O ROUXINOL DE DUAS CABEÇAS - Millie e Christine McCoy (1851 - 1912) eram duas irmãs gêmeas e siamesas unidas pela coluna vertebral. Um dos poucos casos de gêmeos siameses que tenham sobrevivido muito tempo. Atualmente o caso mais conhecido é o das gêmeas Hensel

Millie e Christine McCoy (1851 - 1912) eram duas irmãs gêmeas e siamesas unidas pela coluna vertebral. Um dos poucos casos de gêmeos siameses  que tenham sobrevivido muito tempo. Atualmente o caso mais conhecido é o das gêmeas Hensel 

O rouxinol de duas cabeças
Millie e Christine nasceram como escravas de um ferreiro que posteriormente vendeu-as por mil dólares a um empresário circense. Durante sua infância foram instruídas na arte do canto de melodias da época. Sua especial compleição física e sua caixa de ressonância faziam de suas vozes a "oitava maravilha do mundo" como foram apelidadas mais tarde. As irmãs, apesar da falta de técnica vocal, eram consideradas como excelentes contralto (Millie) e soprano (Christine), de grande matização vocal com extraordinária afinação.
O rouxinol de duas cabeças
Sua fama logo cresceu, o que lhes permitiu fazer várias apresentações e arrecadar dinheiro suficiente para dar apoio financeiro às escolas para negros.

A popularidde das duas era tanta que a mesmíssima Rainha Vitória da Inglaterra recebeu as gêmeas em audiência com concerto incluído. Em 1860, Millie e Christine estavam no topo do estrelato.
O rouxinol de duas cabeças
Quando Millie morreu de tuberculose em outubro de 1912, os médicos deram morfina a Christine para ajudá-la a abreviar sua vida de maneira rápida e sem dor. No entanto, Christine ainda sobreviveu a sua irmã durante 17 horas.


http://www.mdig.com.br/

Quase 70% dos desempregados não recebiam subsídio em 2014 - Dos 726 mil cidadãos sem trabalho apurados pelo INE no ano passado, só 31,4% recebia subsídio de desemprego. Dos 726 mil cidadãos sem trabalho apurados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) no ano passado, só 31,4% recebia subsídio de desemprego.

Quase 70% dos desempregados 
não recebiam subsídio em 2014

Dos 726 mil cidadãos sem trabalho apurados pelo INE no ano passado, só 31,4% recebia subsídio de desemprego. Dos 726 mil cidadãos sem trabalho apurados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) no ano passado, só 31,4% recebia subsídio de desemprego.

Quer isto dizer que 68,6% não tinha acesso a esta prestação, de acordo com cálculos efectuados a partir de dados facultados pelo INE a pedido do Económico. A percentagem de desempregados sem apoio aumentou em 2014 face a 2013, invertendo a tendência de redução que se verificava nos últimos anos.
 .
MAIS 400 MIL
São vários os motivos que podem justificar a ausência do subsídio de desemprego. Desde logo, nem todos os desempregados reúnem os requisitos necessários para ter acesso a esta prestação. Por exemplo, para ter direito ao apoio é necessário estar inscrito no centro de emprego e contar com, pelo menos, 12 meses de descontos para a Segurança Social. 

Para quem não descontou tanto tempo pode restar apenas o acesso a outro apoio social (o subsídio social de desemprego), caso a pessoa faça parte de um agregado de baixos rendimentos. Outro caso de exclusão ainda em 2014 são os empresários, que só este ano ganharam direito a um apoio similar.

Entre os 726 mil desempregados registados pelo INE, apenas 510 mil estavam inscritos no centro de emprego e procuravam novo trabalho. E 44,7% destes recebiam subsídio, enquanto 55,3% estavam afastados da prestação, um valor que também aumentou.

A taxa de desemprego baixou para 13,9% da população activa no ano passado, o valor mais baixo desde 2011, ano do resgate financeiro do país. O programa da troika previa na sua primeira versão que em 2014 a taxa de desemprego fosse de 12,5%. O Governo estimava uma taxa de desemprego de 14,2% para 2014, mas os economistas já esperavam que os números ficassem abaixo da meta do Executivo.

* Não compreendemos que se continue a insistir em noticiar que a taxa de desemprego está nos 13,9%, na semana passada o "insuspeito" FMI referiu que a taxa de desemprego real no nosso país é superior a 20%. 
Muito patronato está valer-se da crise para troçar da dignidade e carência dos desempregados,  o governo dá uma ajuda retirando a quase 70% das pessoas o direito a uma pequena compensação.




apeidaumregalodonarizagentetrata.blogspot.pt