AVISO


OS COMENTÁRIOS, E AS PUBLICAÇÕES DE OUTROS
NÃO REFLETEM NECESSARIAMENTE A OPINIÃO DO ADMINISTRADOR DO "desenvolturas e desacatos"

Este blogue está aberto à participação de todos.


Não haverá censura aos textos mas carecerá
obviamente, da minha aprovação que depende
da actualidade do artigo, do tema abordado, da minha disponibilidade, e desde que não
contrarie a matriz do blogue.

Os comentários são inseridos automaticamente
com a excepção dos que o sistema considere como
SPAM, sem moderação e sem censura.

Serão excluídos os comentários que façam
a apologia do racismo, xenofobia, homofobia
ou do fascismo/nazismo.


quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

PONTE DE PAPEL - O arquiteto japonês Shigeru Ban tornou-se mundialmente conhecido por sua aficção em criar obras com materiais leves e ecológicos. Recentemente ele inaugurou a sua última obra na França, uma ponte de papel sobre o rio Gardon.

arquiteto japonês Shigeru Ban  tornou-se mundialmente conhecido  por sua aficção em criar obras com materiais leves e ecológicos. Recentemente ele inaugurou a sua última obra na França, uma ponte de papel sobre o rio Gardon.


Ban desenhou uma estrutura composta por 281 tubos de cartolina, que, segundo ele, é capaz de suportar o peso de 20 pessoas simultaneamente. Além da estrutura principal, os degraus também são feitos em papel reciclado e plástico. A resistência da ponte foi comprovada mediante o uso de balões cheios de água. A ponte que está aberta para visitações será desmontada em setembro por causa do período das chuvas.

Nascido em 1957 em Tóquio), Ban iniciou a sua carreira desenhando refúgios feitos de papelão para as vítimas de terremotos no Japão, Turquia e Índia e para os refugiados do genocídio de Ruanda de 1994.
Ponte de papel


http://www.mdig.com.br

Sem comentários: