AVISO

O administrador deste blogue
não é responsável pelas opiniões
veiculadas por terceiros
nem a sua publicação quer dizer
que delas partilhe, apenas as
publica como reflexo da
sociedade em que se inserem
dando-lhes visibilidade
mas nunca fazendo delas opinião própria.
Ao desenvolturasedesacatos reserva-se ainda o direito
de eliminar qualquer comentário anónimo ou não identificado, que contenha ataques
deliberadamente pessoais, que em nada contribuampara o debate de ideias ou para a denúncia
de situações menos claras do ponto de vista ético.


quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

“Venda” da Ucrânia à UE, anuncia o primeiro-ministro, faz-se por 20 mil milhões

“Venda” da Ucrânia à UE, anuncia o primeiro-ministro, faz-se por 20 mil milhões

ucrania azarov bigA Ucrânia, depois de romper o acordo de associação com a União Europeia, exige agora uma “ajuda financeira” de 20 mil milhões de euros. Para a oposição, o primeiro-ministro Azarov está a “vender o país” à Rússia e pisca o olho a um ‘comprador’ mais rico.
“A Ucrânia está à venda”, protesta a oposição, ao saber que o primeiro-ministro ucraniano exige 20 mil milhões de euros à União Europeia (UE) para retomar as negociações sobre o acordo de associação, rompido pela parte ucraniana. “Propomos solucionar o tema de uma ajuda financeira à Ucrânia”, revelou Mykola Azarov, após o Conselho de Ministros: “estabelecemos o valor aproximado de 20 mil milhões de euros”.
“Não falamos de uma ajuda não reembolsável do orçamento europeu, pois somos realistas”, reforçou o primeiro-ministro: “propomos que a União Europeia participe dos investimentos em projetos comuns mutuamente vantajosos, como a ampliação e a modernização dos corredores de transporte”.
Os “corredores de transporte” em causa são os gasodutos oriundos da Rússia que abastecem parte da UE e a própria Ucrânia. O fornecimento de gás tem sido uma arma utilizada pelo Governo russo para impedir a aproximação ucraniana à Europa e a chantagem resultou ao ponto da Ucrânia ter rompido as negociações para o acordo de associação, em novembro.
“O Governo também é a favor de uma assinatura rápida deste acordo” com a UE, salientou Azarov, “mas queremos instaurar condições e minimizar as perdas para a nossa economia”, que será bastante prejudicada pela Rússia se se confirmar a aproximação ao ocidente.
Para a oposição, a verdadeira intenção do Governo é “vender a Ucrânia à Rússia”, num ‘negócio’ que seria efetuado através da adesão ucraniana à União Alfandegária liderada pelos russos. “Quero desde já antecipar-me às especulações”, afirmou o Presidente Viktor Yanukovich, que prepara uma visita oficial a Moscovo: “não haverá nenhuma discussão sobre a União Alfandegária, nem o Governo prepara nenhum documento”.
A imprensa ucraniana relata que a Rússia terá oferecido vários milhares de milhões de dólares em ajuda financeira, como contrapartida para a adesão à União Alfandegária. Com o anúncio de hoje, o Governo pretende usar um eventual empréstimo da UE para obrigar os russos a aumentar a ‘oferta’.

GORJÕES - SANTA BÁRBARA DE NEXE - MARCHA DA SOCIEDADE RECREATIVA GORJONENSE SOCIEDADE RECREATIVA GORJONENSE Foi fundada em 1943 por um grupo de instruídos e dedicados Gorjonenses pequenos proprietários e Mestres artesãos de artes e ofícios necessários a uma pequena comunidade ligada aos trabalhos rurais.


Os quais foram estes:
Do alto e da esquerda para a direita respectivamente:

João de Brito Júnior, Mestre carpinteiro
Francisco Rodrigues Carrusca, grande proprietário
Joaquim Filipe Bota, Mestre barbeiro
Joaquim de Jesus Clara, comerciante de frutos secos
António José do Estanco, pequeno proprietário e empreiteiro de estradas
Manuel Viegas, pequeno proprietário ex-emigrante e combatente em França 1918  
José António do Estanco, pequeno proprietário e empreiteiro de estradas
Francisco Pinto Carrusca, proprietário e empreiteiro de estradas
António Guerreiro Prazeres, Mestre ferreiro
Francisco Pedro das Neves, Mestre pedreiro
António Rodrigues Cebola, Mestre pedreiro combatente em França 1918
Joaquim Alexandre de Sousa, Mestre pedreiro combatente em França 1918
António Pinto Galego, pequeno proprietário e empreiteiro de estradas
José da Luz, pequeno proprietário e empreiteiro de estradas
Bernardino Mendes Pinto Júnior, pequeno proprietário e comerciante de frutos secos
Manuel António Madeira, pequeno proprietário
José Pinto Contreiras, comerciante e combatente em França 1918
João Luis Canadas, Mestre carpinteiro.
A Sociedade Recreativa Gorjonense fundada em 1943 ao reunir o povo associado para seu convívio festivo e sadio e troca de experiências, costumes e tradições entre as várias gerações sob a direcção de homens considerados e respeitados e sob uma bandeira, um hino e estatutos e regras de comportamento rigorosas,  representou a entrada do sítio na modernidade.
Para mais os fundadores, como era usual naquele tempo, convidaram ilustres artistas e poetas locais ou conhecidos frequentadores amigos do sítio, a escreverem as letras e músicas do seu Hino e Marcha, os quais representavam uma identidade própria e eram um orgulho imenso para a população ouvi-los cantar por grupos de raparigas e rapazes da terra, seus filhos. 

Os autores destes trabalhos musicais foram,
Hino:
letra, António Fernandes Aleixo (quadrista repentista nacionalmente conhecido por Poeta Aleixo); música, Joaquim de Jesus Correia, ilustre acordeonista gorjonense.
 
 

 









 Marcha:
letra, Américo de Brito das Neves, ilustre Mestre calceteiro; música, José Ferreiro (Pai), ilustre acordeonista de Bordeira, pai dos corridinhos e autor desse emblema e verdadeiro Hino Algarvio que é o corridinho Alma Algarvia, combatente em França 1918.










apcgorjeios.blogspot.pt

A PACIÊNCIA E A ARTE DE CONSTRUIR COM PALITOS

Obra Palito (1)

Obra Palito (2)

Obra Toothpick (3)

Obra Toothpick (4)

Obra Toothpick (5)

Obra Toothpick (6)

Obra Toothpick (7)

Obra Toothpick (8)

Obra Toothpick (9)

Obra Palito (10)

Obra Palito (11)

Obra Palito (12)

Obra Palito (13)

Obra Palito (14)

Obra Palito (15)

Obra Palito (16)

Obra Palito (17)

Obra Palito (18)

Obra Palito (19)

Obra Palito (20)

Obra Palito (21)

Obra Palito (22)

Obra Palito (23)

Obra Palito (24)

Obra Palito (25)

Obra Palito (26)

Obra Palito (27)

Obra Palito (28)

Obra Palito (29)

Obra Palito (30)

Obra Palito (31)

Obra Palito (32)

Obra Palito (33)

Obra Palito (34)

Obra Palito (35)

Obra Palito (36)

Obra Palito (37)

Obra Palito (38)

Obra Palito (39)

Obra Palito (40)

Obra Palito (41)

Obra Palito (42)
klyker.com

FALECEU O PINTOR NADIR AFONSO - VEJA AQUI ALGUNS DOS SEUS QUADROS PUBLICADOS NO BLOG - A INDIVIDUALIDADE CRIATIVA - DE VASCO BARRETO - vaidartudoaomesmo.blogspot.pt

O pintor Nadir Afonso





 





vaidartudoaomesmo.blogspot.pt