AVISO

O administrador deste blogue
não é responsável pelas opiniões
veiculadas por terceiros
nem a sua publicação quer dizer
que delas partilhe, apenas as
publica como reflexo da
sociedade em que se inserem
dando-lhes visibilidade
mas nunca fazendo delas opinião própria.
Ao desenvolturasedesacatos reserva-se ainda o direito
de eliminar qualquer comentário anónimo ou não identificado, que contenha ataques
deliberadamente pessoais, que em nada contribuampara o debate de ideias ou para a denúncia
de situações menos claras do ponto de vista ético.


segunda-feira, 17 de dezembro de 2012


Isabel Jonet. Uma Tia intelectual do Séc XIII.


A presidente do Banco Alimentar Isabel Jonet, deu mais uma entrevista onde afirmou ser "mais adepta da caridade do que da solidariedade".


Esta senhora é um bom exemplo do retrocesso civilizacional que esta política de direita está a gerar no nosso país. Um exemplo vergonhoso da mentalidade salazarenta das esmolas e dos coitadinhios dos pobrezinhos. Para ela é bom que existam muitos pobres para que se pratique a caridadezinha.


Explicou ainda que não está preocupada com os casos de idosos que aparecem mortos em casa, mas sim com as carências por que passam enquanto são vivos. 


Quantos mais pobrezinhos, mais agradecidos há pela caridadezinha.


No mesmo estilo de Marketing comercial, um morto deixa de ser um cliente da caridadezinha. Para ela é preferível que se aguente um velho com fome mas sem o deixar morrer para que continue a haver um bom mercado de pobrezinhos para dar esmolas.


Depois de ter sido alvo de generalizadas críticas de toda a sociedade, Jonet, afirmou não estar nada preocupada com o que dela se escreve. Ela, tal como Salazar, mantém-se orgulhosamente só e estúpidamente convencida que é uma intelectual fora de tempo. Sim ela nasceu com oitocentos anos de atraso. Já não pode assistir à cura pelas fogueiras da Idade Média ou aos exorcismos da inquisição.


No vídeo abaixo, Pacheco Pereira, políticamente correcto, numa análise bem feita, não se atreve a desmascarar a política de direita e a cultura sem valores que a suporta. Sim estamos a atravessar um abjeto retrocesso civilizacional. A direita, o capitalismo, tem que destruir a solidariedade e os valores humanos para justificar a exploração do homem pelo homem, a luta pela sobrevivência, a competitividade e tudo o mais que faz esquecer o progresso por uma vida mais justa.  


Mas vale a pena ouvir Pacheco Pereira, na sua defesa asséptica dos valores humanos. Ai Pacheco Pacheco, forque falas tão bem mas foges à causa desse vírus que o capitalismo espalha pelo mundo. Os baixos valores humanos que matam a solidariedade para gerar a competitividade e, neste caso, a caridadezinha, têm responsáveis. A política de direita, o capitalismo e a sociedade que geram. 



Popout




C. de...

Mate a saudade com as fotos de celebridades antigas
























Caboco Grosso

MAIORES DE 18 - AS MAIS ESTRANHAS ESTÁTUAS DO MUNDO























são malucos estes artistas não são !?

a coragem - António Garrochinho


o humorista João Quadros e Victor Gaspar

Ao humorista João Quadros não sobejam dúvidas quanto ao casamento duradouro entre o primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, e o ministro das Finanças, Vítor Gaspar. “Pode haver divórcio de Portas com Passos Coelho, agora com o Gaspar é impossível. O Gaspar é o alien que está enfiado no corpo do primeiro-ministro”, comenta o comediante em entrevista ao i.

Solicitado para eleger a personagem do ano, Quadros é peremptório: “Por mais que me custe, a Angela Merkel é o homem do ano”. Até porque, no entender do humorista, Vítor Gaspar não é mais do que “as ervilhas que vêm com o bife, praticamente não conta”.
Ao mesmo tempo, Quadros refere que, ao contrário de Luciana Abreu que perdoou o jogador de futebol Yannik Djaló, a “troika é racista” pelo que nunca perdoará Portugal.
O comediante deixa também a sugestão para uma nova dupla televisiva composta por Marcelo Rebelo de Sousa e Medina Carreira, uma vez que “de um lado estaria o que tem muita noção da verdade e do outro o que tem grande capacidade para a mentira”.
Ainda a propósito de Medina Careira diz: “Acho graça porque é chato uma pessoa chamar ladrões aos outros e depois acontece-lhe o mesmo que estava a criticar”.



PCP lança campanha para resgatar Portugal da dependência e derrubar Governo

Jerónimo de Sousa diz que o Presidente da República deve vetar o Orçamento.
Jerónimo afastou coligações com o PS nas autárquicas
  • O Comité Central do PCP decidiu hoje lançar uma campanha nacional, até Abril, tendo como eixo principal a ideia de “resgatar Portugal da dependência” e o derrube do Governo com base numa política de esquerda.

As conclusões da reunião do Comité Central do PCP, a primeira após o congresso deste partido, foram apresentadas em conferência de imprensa pelo secretário-geral, Jerónimo de Sousa.
“Da análise à evolução da situação do país, o Comité Central considera que o Orçamento do Estado para 2013 constitui um brutal passo na escalada contra os direitos dos trabalhadores e as condições de vida do povo, num processo que tem como objectivo essencial o aumento da exploração e o empobrecimento das famílias”, declarou o líder dos comunistas.
Nesse sentido, segundo Jerónimo de Sousa, o Presidente da República deve vetar o Orçamento, exigência que deverá ser acompanhada por uma “intensificação da luta de massas”.
O secretário-geral do PCP manifestou também repúdio face às mais recentes decisões do Conselho Europeu, considerando que o aprofundamento da União Económica e Monetária “visa concentrar ainda mais o poder no grande capital e nas principais potências, impor uma destruição em larga escala de forças produtivas e a regressão social e democrática”.
“Sublinhe-se a especial gravidade do acordo do Conselho [Europeu] relativo ao mecanismo único de supervisão bancária, um passo mais no ataque à soberania dos Estados e de submissão ao poder dos grandes grupos económicos e financeiros transnacionais”, sustentou Jerónimo de Sousa.
Depois de contestar as medidas do Governo de reforma do Poder Local, dizendo estar em curso um projecto “de liquidação de centenas de freguesias”, Jerónimo de Sousa defendeu a “urgência de mudança na vida nacional e a importância de se abrir caminho à construção de uma política alternativa, patriótica e de esquerda”.
Entre as decisões da reunião do Comité Central do PCP está a marcação para dia 19 de Janeiro das comemorações do centenário de Álvaro Cunhal, comemorações que decorrerão ao longo de todo o próximo ano.
O Comité Central do PCP ratificou ainda a composição da Comissão Central de Quadros e da Comissão Administrativa e Financeira deste partido.
O secretário-geral do PCP afirmou também que a aliança do seu partido nas próximas eleições autárquicas será no quadro da Coligação Democrática Unitária (CDU) e referiu que o PS já decidiu concorrer sozinho em todo o lado.
Questionado sobre a abertura do PCP para entrar em coligações em alguns concelhos do país nas próximas eleições autárquicas, o líder comunista disse que o seu partido tem nessa matéria “uma experiência de grande valor, que é a CDU”.
“Nas últimas eleições autárquicas, 12 mil homens e mulheres sem partido participaram nas nossas listas. A CDU é uma coligação de grande valor, que é de promover e desenvolver”, disse.
Sobre acordos pontuais com o PS ou com o Bloco de Esquerda, Jerónimo de Sousa respondeu: “O PS decidiu concorrer sozinho em todos os lados”.
“Independentemente dessa opção que o PS tem direito a tomar, a nossa grande decisão é manter a reforçar a CDU”, acrescentou.
O secretário-geral do PCP reafirmou também a possibilidade de os deputados comunistas subscreverem um pedido de fiscalização sucessiva do Orçamento, mas advertiu que o texto deve reflectir “preocupações centrais” e não gerar “equívocos” no Tribunal Constitucional.


Pena de morte para ateus é legalizada em 7 países
Religiôes (Cristã, Muçulmana e o Judaismo) querem nos levar de volta à Idade Média
Os ateus e outros céticos religiosos sofrem perseguição ou discriminação em muitas partes do mundo e em pelo menos sete países podem ser executados se sua falta da crença se tornar conhecida. A informação é de relatório da IHEU (União Internacional Humanista e Ética) divulgado no último dia 10/12/2012. Pena capital para céticos vigora no Afeganistão, Irã, Maldivas, Sudão, Mauritânia, Paquistão e Arábia Saudita.
Além dos países que punem os ateus com a morte, em outras nações os céticos e humanistas são obrigados a mentir para obter seus documentos oficiais, sem os quais é impossível ir para a universidade, receber tratamento médico e viajar para o exterior

Os ateus e outros céticos religiosos sofrem perseguição ou discriminação em muitas partes do mundo e em pelo menos sete países podem ser executados se sua falta da crença se tornar conhecida. A informação é de relatório da IHEU (União Internacional Humanista e Ética) divulgado no último dia 10/12/2012.

Pena capital para céticos vigora no Afeganistão, Irã, Maldivas, Sudão, Mauritânia, Paquistão e Arábia Saudita.

O relatório mostra que a situação dos “infiéis” é mais grave em países islâmicos, onde religião e Estado se confundem. As consequências para o cético às vezes podem ser brutais.

Ele também aponta que em alguns países europeus e nos Estados Unidos as leis favorecem os religiosos e suas organizações e tratam os ateus e humanistas como cidadãos de segunda classe.

O “A Liberdade de Pensamento 2012″ afirma que “há leis que negam aos ateus o direito de existir, restringindo a sua liberdade de não ter nenhuma crença e de expressão. Também revogam sua cidadania e limitam seu direito de se casar.”


Há leis que “obstruem o acesso dos céticos à educação pública, proíbe que exerçam cargo público, criminalizam a sua crítica à religião e os executam por deixar a religião de seus pais.”

O relatório foi levado ao conhecimento de Heiner Bielefeldt, relator especial das Nações Unidas sobre a liberdade de religião ou crença. Ele disse haver pouca divulgação de que os ateus estão protegidos por acordos globais de direitos humanos.

O IHEU — que congrega mais de 120 entidades humanistas, ateístas e seculares em mais de 40 países — informou que divulgou hoje o relatorio para marcar o Dia da ONU de Direitos Humanos.

De acordo com o relatório, que abrange 60 países, os sete onde ser ateu ou desertar da religião oficial pode trazer a pena capital são o Afeganistão, Irã, Maldivas, Mauritânia, Paquistão, Arábia Saudita e Sudão.
O relatório de 70 páginas não enumera casos recentes de execução por motivo de “ateísmo” porque os pesquisadores dizem que o delito é muitas vezes embutido em outras acusações.

Em uma série de outros países — como Bangladesh, Egito, Indonésia, Kuwait e Jordânia — a publicação de ideias ateístas ou pontos de vista humanistas sobre religião são totalmente proibidos ou estritamente limitada, de acordo com leis de “blasfêmia”.

Em muitos destes países, e outros como a Malásia, os cidadãos têm de se registrar como seguidores de religiões oficialmente reconhecidas, as quais normalmente incluem não mais do que o islã, cristianismo e judaísmo.

Ateus e humanistas são, assim, obrigados a mentir para obter seus documentos oficiais, sem os quais é impossível ir para a universidade, receber tratamento médico, viajar para o exterior.

Países da Europa, da África subsaariana, da América Latina e da América do Norte, embora tenham governo tido como secular, dão privilégios a igrejas cristãs, como isenção fiscais e tratamento diferenciado em atividades como a educação.

Na Grécia e na Rússia, o governo protege ferozmente da Igreja Ortodoxa, cujos sacerdotes ocupam lugar de destaque em eventos de Estado. Na Grã-Bretanha bispos da Igreja da Inglaterra têm assentos na câmara alta do Parlamento.

Nos Estados Unidos, embora a liberdade de religião e de expressão tenha a proteção da Constituição, “há um clima social e político em que ateus e não-religiosos se sentem como os americanos menores ou não-americanos”, diz o relatório.

Em pelo menos sete Estados, há disposições legais que impedem ateus de assumirem cargos públicos. No Arkansas, uma lei proíbe ateu de depor como testemunha em um julgamento.


Fonte: http://www.pragmatismopolitico.com.br/2012/12/pena-de-morte-ateus-legalizada-paises.html


Paulopes, com informação da íntegra do relatório da UHEU e da Reuters, via Huffington Post.
Nota do Mafarrico: No Brasil existe uma escumalha religiosa de católicos e evangélicos que atuam no Congresso Nacional ( Parlamento) , uma espécie de "Tea Party tupiniquim", com um conservadorismo de cariz fascista, travando todo e qualquer avanço social no país, como por exemplo - a descriminilização do abôrto, União gay e outras. A famosa bancada religiosa que tem como meta levar o Brasil diretamente à idade média ( com inquisição e tudo).


tentáculos de polvo por entre relvas

Já ultrapassa as raias de todos os escândalos, esta coisa chamada privatizações. A isto chamo eu a verdadeira globalização, das negociatas internacionais pouco ou nada claras, dos tentáculos globais de um polvo cada vez mais difícil de aniquilar. Soube-se hoje que José Dirceu, condenado no Brasil a 10 anos de prisão - e aliado de Relvas - também esteve envolvido na venda da TAP ao homem das quatro nacionalidades. Ninguém pára esta vergonha? O que é que os deputados da oposição estão a fazer no parlamento? E os juízes nos tribunais? E o presidente em Belém? E o parlamento europeu? E o tribunal internacional? O povo espera. Não manda nada. Não pode nada. Porque o polvo, unido, jamais será vencido. O polvo é quem mais ordena.

Eis a notícia. Como está em voga dizer-se, para memória futura:
http://www.publico.pt/economia/noticia/gabinetes-de-jose-dirceu-promoveram-a-entrada-de-efromovich-na-tap-1577654


 Fotografia: António Cotrim/Lusa (http://www.tvi24.iol.pt)

Quatro almas

Boys de Passos Coelho, salvos da crise. Governo decide quem morre de fome, e quem se salva.

  Passos Coelho já escolheu quem sobrevive!!
Boys do Gabinete do Primeiro-Ministro Passos Coelho.  Cortes? Só se for no teu salário. 

Boys de Passos Coelho, salvos da crise. Governo decide quem morre de fome, e quem se salva.


 Função - Nome - Idade - Nomeação - Vencimento €
  1. Chf,  Gabinete - Francisco Ribeiro de Menezes - 46 anos - 06-08-2011 − 4.592,43
  2. Assessor - Carlos Henrique Pinheiro Chaves - 60 anos - 21-06-2011 − 3.653,81
  3. Assessor - Pedro Afonso A, Amaral e Almeida - 38 anos - 18-07-2011 − 3.653,81
  4. Assessor - Paulo João L, Rêgo Vizeu Pinheiro - 48 anos - 11-07-2011 − 3.653,81
  5. Assessor - Rudolfo Manuel Trigoso Rebelo - 48 anos - 21-06-2011 − 3.653,81
  6. Assessor - Rui Carlos Baptista Ferreira - 47 anos - 21-06-2011 − 3.653,81
  7. Assessora - Eva Maria Dias de Brito Cabral - 54 anos - 12-10-2011 − 3.653,81
  8. Assessor - Miguel Ferreira Morgado - 37 anos - 21-06-2011 − 3.653,81
  9. Assessor - Carlos A Sá Carneiro Malheiro - 38 anos - 01-12-2011 − 3.653,81
  10. Assessora − Marta Maria N, Pereira de Sousa − 34 anos − 21-06-2011 − 3.653,81
  11. Assessor − Bruno V de Castro Ramos Maçaes − 37 anos − 01-07-2011 − 3.653,81
  12. Adjunta − Mafalda Gama Lopes Roque Martins − 35 anos − 01-07-2011 − 3.287,08
  13. Adjunto − Carlos Alberto Raheb Lopes Pires − 38 anos − 21-06-2011 − 3.287,08
  14. Adjunto − João Carlos A Rego Montenegro − 34 anos − 21-06-2011 − 3.287,08
  15. Adjunta − Cristina Maria Cerqueira Pucarinho − 46 anos − 23-08-2011 − 3.287,08
  16. Adjunta − Paula Cristina Cordeiro Pereira − 41 anos − 22-08-2011 − 3.287,08
  17. Adjunto − Vasco Lourenço C P Goulart Ávila − 47 anos − 21-11-2011 − 3.287,08
  18. Adjunta − Carla Sofia Botelho Lucas − 28 anos − 25-01-2012 − 3.287,08
  19. Técnica Especialista − Bernardo Maria S Matos Amaral − 38 anos − 07-09-2011 − 3.287,08
  20. Técnica Especialista − Teresa Paula Vicente de Figueiredo Duarte − 44 anos − 21-07-2011 − 3.653,81
  21. Técnica Especialista − Elsa Maria da Palma Francisco − 40 anos − 16-01-2012 − 3.653,81
  22. Técnica Especialista − Maria Teresa Goulão de Matos Ferreira − 49 anos − 18-07-2012 − 3.653,81
  23. Secretária pessoal − Maria Helena Conceição Santos Alves − 54 anos − 18-07-2011 − 1.882,76
  24. Secretária pessoal − Inês Rute Carvalho Araújo − 46 anos − 18-07-2011 − 1.882,76
  25. Secretária pessoal − Ana Clara S Oliveira − 38 anos − 13-07-2011 − 1.882,76
  26. Secretária pessoal − Maria de Fátima M L Hipólito Samouqueiro − 47 anos − 21-06-2011 − 1.882,76
  27. Secretária pessoal − Maria Dulce Leal Gonçalves − 52 anos − 01-07-2011 − 1.882,76
  28. Secretária pessoal − Maria M, Brak-Lamy Paiva Raposo − 59 anos − 13-07-2011 − 1.882,76
  29. Secretária pessoal − Margarida Maria A A Silva Neves Ferro − 53 anos − 21-06-2011 − 1.882,76
  30. Secretária pessoal − Maria Conceição C N Leite Pinto − 51 anos − 21-06-2011 − 1.882,76
  31. Secretária pessoal − Maria Fernanda T C Peleias de Carvalho − 45 anos − 01-08-2011 − 1.882,76
  32. Secretária pessoal − Maria Rosa E Ramalhete Silva Bailão − 58 anos − 01-09-2011 − 1.882,76
  33. Coordenadora − Luísa Maria Ferreira Guerreiro − 48 anos − 01-01-2012 − 1.506,20
  34. téc, administrativo − Alberto do Nascimento Cabral − 59 anos − 01-01-2012 − 1.506,20
  35. téc, administrativo − Ana Paula Costa Oliveira da Silva − 42 anos − 01-01-2012 − 1.506,20
  36. téc, administrativo − Elisa Maria Almeida Guedes − 47 anos − 01-01-2012 − 1.500,00
  37. téc, administrativo − Isaura Conceição A Lopes de Sousa − 59 anos − 01-01-2012 − 1.506,20
  38. téc, administrativo − José Manuel Perú Éfe − 60 anos − 01-01-2012 − 1.506,20
  39. téc, administrativo − Liliana de Brito − 50 anos − 01-01-2012 − 1.500,00
  40. téc, administrativo − Maria de Lourdes Gonçalves Ferreira Alves − 61 anos − 01-01-2012 − 1.506,20
  41. téc, administrativo − Maria Fernanda Esteves Ferreira − 57 anos − 01-01-2012 − 1.506,20
  42. téc, administrativo − Maria Fernanda da Piedade Vieira − 61 anos − 01-01-2012 − 1.506,20
  43. téc, administrativo − Maria Umbelina Gregório Fernandes Barroso − 47 anos − 01-01-2012 − 1.500,00
  44. téc, administrativo − Zulmira Jesus G Simão Santos Velosa − 47 anos − 01-01-2012 − 1.506,20
  45. téc, administrativo − Artur Vieira Gomes − 53 anos − 01-01-2012 − 1.600,15
  46. téc, administrativo − Benilde Rodrigues Loureiro da Silva − 58 anos − 01-01-2012 − 975,52
  47. Apoio Auxiliar − Fernando Manuel da Silva − 68 anos − 01-01-2012 − 975,52
  48. Apoio Auxiliar − Francisco José Madaleno Coradinho − 45 anos − 01-01-2012 − 1.472,82
  49. Apoio Auxiliar − Joaquim Carlos da Silva Batista − 57 anos − 01-01-2012 − 975,52
  50. Apoio Auxiliar − José Augusto Morais − 51 anos − 01-01-2012 − 975,52
  51. Apoio Auxiliar − Maria Lurdes da Silva Barbosa Pinto − 58 anos − 01-01-2012 − 975,52
  52. Apoio Auxiliar − Maria de Lurdes Camilo Silva − 65 anos − 01-01-2012 − 975,52
  53. Apoio Auxiliar − Maria Júlia R Gonçalves Ribeiro − 58 anos − 01-01-2012 − 975,52
  54. Apoio Auxiliar − Maria Natália Figueiredo − 64 anos − 01-01-2012 − 975,52
  55. Apoio Auxiliar − Maria Rosa de Jesus Gonçalves − 58 anos − 01-01-2012 − 975,52
  56. Motorista − António Francisco Guerra − 52 anos − 01-01-2012 − 1.848,53
  57. Motorista − António Augusto Nunes Meireles − 61 anos − 01-01-2012 − 2.028,28
  58. Motorista − António José Pereira − 48 anos − 01-01-2012 − 1.848,53
  59. Motorista − Arnaldo de Oliveira Ferreira − 49 anos − 01-01-2012 − 1.848,53
  60. Motorista − Jaime Manuel Valadas Matias − 52 anos − 01-01-2012 − 1.848,53
  61. Motorista − Jorge Henrique S Teixeira Cunha − 52 anos − 01-01-2012 − 1.848,53
  62. Motorista − Jorge Martins Morais − 46 anos − 01-01-2012 − 1.848,53
  63. Motorista − José Hermínio Frutuoso − 53 anos − 01-01-2012 − 1.848,53
  64. Motorista − Nuno Miguel R Martins Cardoso − 37 anos − 01-01-2012 − 1.848,53
  65. Motorista − Paulo Jorge Pinheiro da Cruz Barra − 40 anos − 01-01-2012 − 1.848,53
  66. Motorista − Rui Miguel Pedro da Silva Machado − 42 anos − 01-01-2012 − 1.848,53
  67. Motorista − Vitor Manuel G Marques Ferreira − 42 anos − 01-01-2012 − 1.848,53 .
  68. Fonte
Resumo:
01 Chefe de Gabinete
10 Acessores
07 Adjuntos
04 Técnicos Especialistas
10 Secretárias Pessoais
01 Coordenadora
13 Técnicos Administrativos
09 Apoio Auxiliar
12 Motoristas
Total − 67 
Total/Mês − 149.486,76 €

Mas... 

  • A CULPA É DA MERKEL QUE GERIU CRIMINOSAMENTE 
  • OS IMPOSTOS DOS PORTUGUESES
  • A CULPA É DA MERKEL QUE INVENTOU O BPN
  • A CULPA É DA MERKEL QUE ACEITOU OS CONTRATOS RUINOSOS DAS PPP
  • A CULPA É DA MERKEL QUE "DOOU" O EMPRÉSTIMO DA TROIKA À BANCA
  • A CULPA É DA MERKEL QUE ELEGE CORRUPTOS E CRIMINOSOS PARA 
  • GOVERNAR PORTUGAL
  • A CULPA É DA MERKEL QUE EMPRESTOU DINHEIRO PARA OS CORRUPTOS TAPAREM OS 
  • BURACOS DA CORRUPÇÃO E MÁ GESTÃO
  • A CULPA É DA MERKEL QUE DÁ ORDENS CLARAS AO GOVERNO PARA NÃO 
  • CORTAR NOS LUXOS E CORTAR NOS POBRES

E sim já sei que vão dizer que os alemães não são nenhuns santinhos, 
cobram juros, são maus e ricos... e então? Eu disse o contrário? Eles cobram juros 
porque a corrupção nos levou a cair nas mãos deles. Eles estão ricos porque não 
permitem corruptos a roubar os impostos, nos seus países.   Aceda a este Artigo completo.

Só para inglês ver, Passos coelho cortou nos ministérios, "Os 10 ministérios do Governo reduzido de Passos Coelho"
fingindo que era um ministro poupado, no entanto a demagogia ficou bem visível  quando ele acabou por gastar muito mais 
do que o que poupou, em novos gabinetes e nos boys que insiste em semear por todo o país. 


Não votem mais neles, pensem !