AVISO

O administrador deste blogue
não é responsável pelas opiniões
veiculadas por terceiros
nem a sua publicação quer dizer
que delas partilhe, apenas as
publica como reflexo da
sociedade em que se inserem
dando-lhes visibilidade
mas nunca fazendo delas opinião própria.
Ao desenvolturasedesacatos reserva-se ainda o direito
de eliminar qualquer comentário anónimo ou não identificado, que contenha ataques
deliberadamente pessoais, que em nada contribuampara o debate de ideias ou para a denúncia
de situações menos claras do ponto de vista ético.


quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Martha & The Vandellas "Dancing in the Streets"


PORQUE NOS IMPORTAMOS COM A RELIGIÃO


 A despeito do argumento de alguns teístas afirmando que o Brasil foi colonizado por cristãos e católicos, a separação entre a igreja e o estado continua a ser de extrema importância, não apenas para ateus como também para proteger o estado contra a interferência da religião.
Infelizmente, parece que a maioria dos patriotas que defende esse ponto é composta de livre pensadores. Ateus se importam com a religião porque a religião não é algum tipo de força inócua e puramente benevolente na sociedade. Pelo contrário. A religião afeta a vida diária de todos os cidadãos, quer acreditem nela ou não.
As igrejas têm isenção de impostos, contudo consumem habitualmente uma quantidade desproporcionalmente superior de recursos públicos. O tempo tem demonstrado claramente que religião pode ser um fator significativo na promoção da guerra, do autoritarismo, de ditaduras, assassinatos, da repressão ao progresso da medicina e das  ciências, de ajudas humanitárias e da opressão contra as mulheres, minorias e pessoas que seguem outros credos.

A religião está "na nossa cara" o tempo todo 
Alguns acreditam que as crenças espirituais individuais são particulares e pessoais e não causam a ira dos não-teístas, mas existe uma imensa quantidade de propaganda pró-religião permeando o nosso dia-a-dia. Desde o aparentemente inofensivo "deus te  abençoe", ou “vá com deus”, adesivos nos pára-choques dos carros, cartazes religiosos, igrejas em todos os cantos, a menção "Deus Seja Louvado" em cada nota de real, sinais religiosos luminosos, os presidentes mencionando deus com freqüência em seus discursos, iniciativas vinculadas à fé, religiosos nos incomodando insistentemente em nossas casas tentando vender revistas, jornais ou fazendo convites para participarmos de cultos, dentre tantos. É raro andar em qualquer espaço público e não se deparar toda hora com algum tipo de propaganda religiosa. Imagine se a causa dos descrentes fosse divulgada um centésimo da frequência com que a causa religiosa é divulgada? Os teístas ficariam totalmente indignados. Contudo, se um ateu resolve reagir à esmagadora propaganda pró-religião que é obrigado a ver e ouvir todos os dias, ele é rotulado de “colérico”, "militante", "intolerante", “fundamentalista”, extremista ou até mesmo de “blásfemo” podendo até mesmo ser condenado à prisão em certos países.

Se você divulga as suas superstições em espaço público, nada mais justo do que termos o direito de responder a elas.

Crenças religiosas moldam decisões políticas, apesar do consenso científico 

  • Nos EUA, o republicano John Shimkus (Illinois), que almeja a presidência do Comitê de Energia e Comércio, afirmou em 2009 que não precisamos nos preocupar com a mudança climática porque deus prometeu na Bíblia que não destruiria o mundo de novo após a inundação de Noé.

Os ateus são ativamente discriminados 

  • Em alguns estados pessoas que não acreditam em deus são discriminadas pela lei.
  • Existem numerosos exemplos de preconceito institucionalizado e político contra não teístas.
  • Muitas instituições financiadas pelos pagadores de impostos/governos,  exercitam um preconceito ativo contra os descrentes.
  • Muitos grupos cívicos, como os Maçons, se recusam a aceitar ateus. Eles permitem que seus membros acreditem em uma ampla variedade de superstições, entidades mitológicas de Alah a Yahweh, mas se você rejeitar as crenças, você não é bem-vindo.
  • Até mesmo presidentes já defenderam a intolerância contra os ateus:
"Não, eu não acho que ateus deveriam ser considerados cidadãos, muito menos patriotas. Esta é uma nação sob Deus." -- George H. Bush, 27 de agosto de 1987

  • A grande mídia geralmente sugere que os ateus não devem ser bem aceitos na sociedade. 

A religião impõe seus próprios valores morais arbitrários na forma de leis que restringem a liberdade individual 
  • Decretos dominicais, de motivação religiosa restringem o que todas as pessoas podem fazer em determinados dias. Parece-me inapropriado dizer aos donos de lojas que eles não podem vender certos produtos em determinado dia da semana.
  • Em algumas regiões do país, é ilegal ou perigoso abrir o seu comércio no sábado ou no domingo, onde tais dias podem ser considerados sagrados com base na mitologia local.
  • Em muitas jurisdições, a venda de bebidas alcoólicas é proibida. A motivação por trás da lei seca nesses países se baseia na religião. Em muitas outras regiões, não é possível comprar bebida alcoólica ou outros bens no domingo.
  • O aborto é ilegal em muitas regiões do país, apesar de muitas outras formas de matar criaturas serem frequentemente celebradas. Isso também é motivado pela religião e é inconsistente.
Ateus são forçados a subsidiar a religião 
  • As igrejas não pagam uma parcela justa de impostos, quando pagam. Isso aumenta a carga tributária para todas as outras pessoas e, ironicamente as igrejas são as instituições que menos precisam de apoio financeiro do governo.
  • A crença religiosa é divulgada através de uma variedade de meios seculares e inadequados, desde a impressão em notas de dinheiro até sua incorporação em programas de TV e orações diários proferidos obrigatoriamente por alunos em escolas.
  • O governo brasileiro levou essa injustiça ainda mais adiante com acordos com a igreja católica e outras instituições religiosas, pegando ainda mais dinheiro dos impostos  do povo e entregando a grupos religiosos.

Religião cerceia a liberdade de expressão e de discurso 
  • Até mesmo teístas moderados que respeitam a separação entre a igreja e o estado, ajudam a proteger facções extremistas não permitindo debates religiosos no setor público; um show como Richard Dawkins' "The Root of All Evil?" (A Raíz de Todo o Mal) nunca seria apresentado em um canal popular da rede de televisão brasileira (temos religiosos que compraram seus próprios canais de televisão inclusive)

A religião promove, ativa e agressivamente, a guerra, os conflitos, a opressão e o preconceito
  • A religião desempenhou um papel primário na maioria das guerras e mortes da história da civilização humana
  • Muitas religiões promovem, ativamente, o racismo, o sexismo e até mesmo atividades escravagistas e terroristas
  • Os ataques de 11 de setembro nos Estados Unidos não teriam acontecido se os atacantes não tivessem sido motivados pela religião e sua promessa de recompensas para nobres sacrifícios como atentados suicidas

A religião mina a responsabilidade social
  • Religiões judaico-cristãs promovem diretamente a ideia do "perdão" sobrenatural dos nossos pecados, permitindo que pessoas cometam atos terríveis e imorais acreditando que, através da prece e prostração diante do seu deus, suas transgressões poderão ser perdoadas. Qual a motivação para ser um ser humano decente se você pode pedir perdão a deus a qualquer momento?
  • Os humanos são ensinados através da religião que tudo, "é parte do plano de deus," estando, portanto, além do seu controle.
  • Programas com motivação religiosa de 12 passos como nos Alcoólatras Anônimos sugerem às pessoas que eles não estão em controle de suas ações e devem se apoiar em alguma força sobrenatural para permanecerem sóbrios. No final, este é motivo porque esses programas falham na maioria das vezes - as pessoas são ensinadas a não assumir responsabilidade pelos seus próprios atos.
  • A religião promove gestos sem significado como a "prece" como uma alternativa a ações mais substanciais como ajudar membros da comunidade.

A religião sufoca o progresso em todas as áreas da ciência e da sociedade
  • A ideologia religiosa está por trás dos esforços para restringir os avanços nas pesquisas de células tronco, possivelmente um dos campos mais promissores da medicina na atualidade, e capaz de curar muitas doenças
  • Católicos na África desencorajam ativamente o uso da camisinha, em regiões onde a AIDS está fora de controle, contribuindo diretamente para a propagação dessa doença fatal
  • Criacionistas e outros religiosos estão trabalhando no sentido de perverter o currículo escolar para refletir a sua visão dogmática do mundo, mesmo que esta visão não seja verdadeira ou científica. Eles insistem em reescrever livros texto usados por crianças para incluir propagandas que promovam a sua doutrina ideológica que, frequentemente, contrasta com a realidade.

E quanto a teístas/teísmo moderado/liberal?
Muitos argumentam que os ateus provocam todos os teístas quando na verdade os fundamentalistas/extremistas são os principais culpados enquanto a maioria dos teístas é benigna e benéfica para a sociedade.
Isso está errado. TODOS os teístas e TODAS as formas de teísmo são nocivos e destrutivos. Os pontos delineados acima não são específicos para os extremistas fundamentalistas; Eles são comuns a virtualmente todas as denominações teístas.
Ao contrário do que a maioria acredita, teístas moderados são os mais destrutivos. Isso porque fornecem cobertura (assim como campos férteis) para os fundamentalistas. Eles são a principal força impedindo que um debate aberto e franco sobre teísmo ocorra na principal mídia pública. Existem muitos excelentes documentários sobre ciência e teologia que nunca irão ao ar nos Estados Unidos porque teístas, mesmo os moderados e liberais, não tolerariam tal discussão. Isto porque o teísmo não tem uma base legítima e racional na qual se apoiar. O simples fato dos teístas preferirem que suas crenças não sejam criticadas enfatiza a realidade de que suas crenças são, muito provavelmente, irracionais e que os teístas são provavelmente incapazes de defendê-las em foro aberto.
Por esta razão, ateus não podem escolher determinadas facções de fundamentalistas para falar contra. Na verdade, todos os teístas -- dos extremistas aos liberais -- fazem parte do mesmo grupo iludido. Todos eles criam os mesmos problemas para a nossa sociedade e seria intelectualmente desonesto afirmar o contrário.
Sam Harris faz outra grande apresentação sobre este assunto, indo além do básico para explicar porque até mesmo teístas moderados e liberais deveriam ser considerados uma ameaça à liberdade, ciência, racionalidade e paz:

O que há de errado com o cristianismo?
  1. O cristianismo segue um livro de fábulas inventadas por uma tribo do deserto da Idade do Bronze, atribuindo-lhe as respostas para tudo que existe de importante no nosso mundo, negando descobertas e avanços científicos bem fundamentados e testáveis, até ser forçado, depois de décadas, séculos e até milênios de negação, guerra, opressão, execuções e exílios de pessoas que se atreveram a questionar a completa inerrância e/ou relevância do referido livro de fábulas da Idade do Bronze.
  2. Os cristãos atribuem ao seu conjunto individual de crenças, ocasionalmente moderadas, frequentemente exacerbadas, por parte do clero, a um "amigo" invisível, infalível e todo-poderoso que vive em suas mentes. Não é por acaso, que cada pessoa acredita que "deus," pensa exatamente da maneira que ela acredita; contudo, cada pessoa tem um conjunto diferente de crenças.
  3. Decisões no mundo real com consequências muito sérias são tomadas com base nestas fantasias compartilhadas.
  4. O cristianismo ensina as pessoas a simplesmente acreditar no que lhes é dito e a desenvolver sistemas cognitivos para confirmar as ideias que eles DEVEM manter, mesmo que entrem em conflito com a realidade observável. O resultado é que a realidade é distorcida para se conformar às suas ideias de "deus" e não o contrário.
  5. Muitos cristãos acreditam na interpretação "literal" da Bíblia, como se cada página contida nela, nenhuma a mais ou a menos, fosse a palavra literal e inquestionável da entidade que criou e controla o universo. Isso ignora completamente os fatos da linguística, especificamente o fato de que cada pessoa está lendo uma tradução diferente que foi filtrada através de dois a três idiomas. Além do mais, não existe a menor possibilidade das pessoas na atualidade, possuírem um entendimento preciso e exato de todas as nuances do grego, hebraico e aramaico antigos. Contudo, de alguma maneira, a Nova Versão Internacional, ou a Versão do Rei James seria literalmente perfeita e exata, palavra por palavra. Isso tudo sem considerar todos aqueles "livros apócrifas" que foram arbitrariamente excluídos por motivos políticos e outros.
  6. Encorajados por esse sentido de grandiosidade e justiça, a partir da experiência de muitas pessoas, a vasta maioria dos cristãos sente-se inteiramente confortável em julgar outras pessoas, incluindo outros cristãos; e, estão dispostos a usar todos os meios à sua disposição para fazer com que sigam o "caminho da retidão" (veja: aquilo que cada indivíduo acredita ser apropriado e, com o qual, deus inevitavelmente concorda). Naturalmente, existe um versículo bíblico que alerta contra tais julgamentos. Contudo, se você for fazer uma declaração contra o que vem a ser o cristianismo ou os cristãos, a única medida significativa é como as escrituras, cultura e costumes como um todo são interpretados e implementados.
Fonte: Atea

Estes bonitos retratos de cães são realizados pela fotógrafa Barbara O'Brien, especialista no gênero e em fotografias de estilo da vida rural para agências de publicidade, revistas e editoras de livros. Em sua série chamada Dog Face, a artista capturou brilhantemente o caráter individual de todos os tipos de cães por aproximação de seus focinhos e usando um fundo muito simples, neutro.



Retratos de cães cheios de personalidade
Estes bonitos retratos de cães são realizados pela fotógrafa Barbara O'Brienespecialista no gênero e em fotografias de estilo da vida rural para agências de publicidade, revistas e editoras de livros. Em sua série chamada Dog Face, a artista capturou brilhantemente o caráter individual de todos os tipos de cães por aproximação de seus focinhos e usando um fundo muito simples, neutro.


Apesar de termos o costume de confundir a feição de animais como sendo todos iguais e até mesmo de pessoas (asiáticos), por serem diferentes, a verdade é que, lógico todos tem seus diferenciais e personalidade. No caso dos caninos há olhares laterais, grandes bocejos, sorrisos ocultos e detalhes distintos dependendo de como cada cão olha para a câmera.

O'Brien diz que desde tenra idade se conectou muito bem com os animais percebendo suas diferenças. Sua paixão por todas as coisas que se movem os tornam muito especiais e admiráveis:

  - "Eu, pessoalmente consigo uma boa conexão com os animais com quem trabalho, assim é possível captar todo o talento dos peludos para a fotografia".

Mas a fotógrafa não é daquele tipo que só fala para fazer média e depois de uma sessão de fotografias corre para o conforto da vida moderna longe dos animais. Ela tem grande ocupação em casa, na verdade no sítio onde mora com o marido, quatro filhos, uma dúzia de cavalos, sete carneiros, trinta galinhas, cinco patos, três cães, dezessete gatos e três cabras que ela descreve como "muito impertinentes". De modo que com esta bicharada dentro de casa, ela deve mesmo entender do assunto.
Retratos de cães cheios de personalidade 01

Retratos de cães cheios de personalidade 02

Retratos de cães cheios de personalidade 03

Retratos de cães cheios de personalidade 04

Retratos de cães cheios de personalidade 05

Retratos de cães cheios de personalidade 06

Retratos de cães cheios de personalidade 07

Retratos de cães cheios de personalidade 08

Retratos de cães cheios de personalidade 09

Retratos de cães cheios de personalidade 10

Retratos de cães cheios de personalidade 11

Retratos de cães cheios de personalidade 12

Retratos de cães cheios de personalidade 13

Retratos de cães cheios de personalidade 14

Retratos de cães cheios de personalidade 15

Retratos de cães cheios de personalidade 16

Retratos de cães cheios de personalidade 17

Retratos de cães cheios de personalidade 18

Retratos de cães cheios de personalidade 19

Retratos de cães cheios de personalidade 20

Retratos de cães cheios de personalidade 21

O QUE OS DONOS FAZEM AOS CANICHES - PENTEADOS BIZARROS - FOTOGALERIA