AVISO

O administrador deste blogue
não é responsável pelas opiniões
veiculadas por terceiros
nem a sua publicação quer dizer
que delas partilhe, apenas as
publica como reflexo da
sociedade em que se inserem
dando-lhes visibilidade
mas nunca fazendo delas opinião própria.
Ao desenvolturasedesacatos reserva-se ainda o direito
de eliminar qualquer comentário anónimo ou não identificado, que contenha ataques
deliberadamente pessoais, que em nada contribuampara o debate de ideias ou para a denúncia
de situações menos claras do ponto de vista ético.


sexta-feira, 29 de abril de 2011

A CATEDRAL DA LUZ PINTADA DE BRANCO

   pub tecelao - Carpinteira

Temporal em Monchique 29/04/2011 parte 4



MONCHIQUE 29 ABRIL 2011 TEMPORAL

Temporal em Monchique 29/04/2011 parte 4



A ZONA DE MONCHIQUE NO ALGARVE TAMBÉM SOFREU COM O TEMPORAL

Granizada em Benfica 29 de Abril de 2011

Benfica, Lisboa, granizo fim de Abril

Benfica - Temporal 29-04-2011

Temporal em Benfica, Lisboa - 2011-04-29

Temporal na Amadora - Lisboa 29/4/2011

Chuva em Lisboa dia 29/04 as 16hrs

VIOLENTA TROVOADA EM LISBOA E TEMPORAL COM CHUVA E GRANIZO- VEJA OS VÍDEOS


Lisboa de branco com Granizo Veja os vídeos Umaviolenta trovoada e um temporal de chuva e granizo estão a assolar desde as 15,40 horas desta sexta-feira parte da cidade de Lisboa, nomeadamente na zona de Benfica, provocando a interrupção do trânsito na segunda circular. JN

Para o FMI e Banco Central Europeu, hoje á porta do Ministério das Finanças.

Para o Fundo Monetário Internacional e Banco Central Europe
Por favor não permitam que o vosso dinheiro entre em Portugal.
O dinheiro emprestado é mau para o povo Português.
Será esbanjado (estragado) e vocês serão cumplices.
Se não o receberem de volta, depois não se queixem.
Deixem-nos viver com o que temos.
O Governo Português fez leis e "truques" para me roubar.
Talvez um dia venha a fazer-vos o mesmo.
Tenham atenção (cuidado).
Melhores cumprimentos
.
Abril 2011
António Cardoso
blog Arre Macho

OS SOBRINHOS DO ASSASSINO DA PIDE/DGS QUEREM SER INDEMINIZADOS


  somos acusados, pelos sobrinhos de Silva Pais, do...s crimes de difamação e ofensa à memória de pessoa falecida.

No banco dos réus!!!
Dia 3 de Maio, pelas 9h15, um julgamento que nos remete para os tempos da ditadura… Margarida Fonseca Santos (autora), Carlos Fragateiro e José Manuel Castanheira (ex-directores do Nacional D. Maria II) – somos acusados, pelos sobrinhos de Silva Pais, do...s crimes de difamação e ofensa à memória de pessoa falecida. No seu entender, denegrimos a imagem do último director da PIDE com a adaptação para teatro do livro A Filha Rebelde (de José Pedro Castanheira e Valdemar Cruz), feita para o TNDM em 2007, com encenação de Helena Pimenta. O Ministério Público não acompanhou a queixa. Conquistámos, no 25 de Abril, a liberdade de expressão, que está agora posta em causa. Mas, mais grave ainda, esta é uma tentativa de branquear a imagem daquele que foi o responsável máximo da PIDE – a polícia política que perseguiu, torturou e matou muitos opositores ao regime, entre eles o General Humberto Delgado. Pedimos que divulguem isto aos quatro ventos. (http://sol.sapo.pt/inicio/Sociedade/Interior.aspx?content_id=12515) Ver mais - calque no link a azul atráz se faz favor.
Por: Margarida Fonseca Santos

ESTE O ASSASSINO


ESTES SÃO OS ACUSADOS







Vão proibir a cidreira, a lucia lima ( bela Luísa ), a hortelã, etc. leiam que é importante

Vão proibir a cidreira, a lucia lima, a hortelã, etc. leiam que é importante
Amigos, por favor, a todos, vejam a mensagem de 10 minutos de vídeo até ao fim. Isto interessa a todos, mesmo os que não entendem bem o inglês, devem tentar, porque é muito importante.
E assinem. As assinaturas já passam de 1/3 de milhão, isto assim rapidinho passa de vários milhões...
É já dia 30 de Abril :-(

Sabiam que o chá de cidreira está prestes a tornar-se ilegal? E o alho... e todas as muitas e muitas plantas usadas desde sempre!!! Acabou-se, a partir do fim deste mês uma normativa europeia vai proibir o uso de plantas em terapias naturais... Fitoterapia, naturoterapia, herbalismo....
Vamos perder a pouca tradição que ainda é nossa e pior vão acabar com as nossas alternativas aos medicamentos das grandes farmacêuticas!
Podemos coexistir e cada um toma a sua decisão em relação a terapias naturais. Mas esta directiva interfere na nossa/sua saúde.
Trata-se da directiva 2004/24/CE relativamente à qual tem havido o maior silêncio da parte dos órgãos da comunicação em todos os países da EU, durante estes sete anos que precederam a sua implementação. Como é costume, os órgãos da comunicação mantêm o cidadão entretido com telenovelas, futebol e escândalos, mas “esquecem-se” de assuntos verdadeiramente do interesse público e que dizem respeito à saúde, à educação e à justiça, desde que os mesmos não sirvam os interesses dos grupos que controlam a economia, não para benefício do cidadão mas para deles mesmos. O véu começou a ser levantado e alguns cidadãos mobilizam-se. Em virtude das despesas que esta directiva exigirá dos fabricantes de produtos da medicina natural, nós, cidadãos europeus, ficaremos privados de milhares de plantas medicinais durante decénios.

A directiva em questão visa proibir as preparações à base de plantas medicinais, por exemplo a infusão de tomilho, as cápsulas ou drageias de alho, de ginko biloba e muitas outras. Esta proibição é camufalada através da exigência de processos de aprovação que custam mais de 100 mil euros e que, ainda por cima, devem estar concluídos até 30 de Abril de 2011. O que é impossível. E isto para que os laboratórios farmacêuticos continuem a vender os seus fármacos e a envenenar a saúde pública... num eterno processo em que o suposto medicamento que cura a doença – e não faz mais do que camuflar os sintomas sem eliminar a origem – vai provocar outros problemas de saúde necessitando outros medicamentos, medicamentos esses que, por vezes, conduzem a situações desesperadas, como é o caso do Médiator, medicamento indicado no tratamento dos diabetes, felizmente hoje retirado da venda, mas até isso acontecer... terá feito mais de 500 mortos.


E peço-vos passem a todos os vossos contactos. Já notaram o silêncio que anda no ar em relação a isto? Se formos muitos a assinar talvez ainda dê....

É natureza e não há nada mais livre que isso. É a nossa liberdade. 

 http://www.savenaturalhealth.eu/

Obrigado a todos.

TRÓCA - TINTAS EM GUERRA ! INSULTOS ENTRE JOSÉ LELLO E NOGUEIRA LEITE



José Lello diz que Nogueira Leite quer 'abifar uns tachos'
28 de Abril, 2011
Depois de dizer que Cavaco Silva é um presidente «foleiro» no Facebook, José Lello acusou o social-democrata António Nogueira Leite de pertencer «à classe de trânsfugas» e de querer «abifar uns tachos», escreve o Público. Nogueira Leite começou por chamar Lello de «ciber-nabo» no Facebook, depois de o socialista ter explicado que a mensagem sobre Cavaco era dirigida apenas a um amigo no chat, mas que saltou para o seu mural.
Lello reagiu outra vez na rede social, como escreve o Público: Nogueira Leite «pertence àquela classe de transfugas políticos, ditos independentes que, saltitando, apenas visa 'abifar uns tachos', pois ideologia é coisa que arde sem se ver».
Mas não ficou por aqui. «Agora aderiu a Passos Coelho, perdão, ao PSD. Já se via até ministro. Azar dele! As expectativas de vitória caíram para perspectivas de derrota. Depois, alienado, passou de protegido do chefe para um papel secundário, o de bardo de Asterix! Quem é o nabo, quem é?», pergunta José Lello ao conselheiro económico de Passos Coelho.
Mas nem Manuel Maria Carrilho escapa às críticas de Lello, que publicou a seguinte mensagem depois da entrevista de Sócrates na TVI: «MM Carrilho disse que gostou do pupilar dos pavões. Não estranhou. Porventura, porque se sentiu em família!», cita o Público.
SOL
Submarino "Arpão" chega sábado à Base Naval de Lisboa
De acordo com a mesma fonte, o "Arpão" tem hora prevista de chegada à Base Naval de Lisboa (BNL) às 10:30 de sábado, não estando prevista nenhuma cerimónia para assinalar publicamente a receção do novo equipamento.
Citando o Chefe de Estado-maior da Armada (CEMA), Almirante Saldanha Lopes, o semanário Expresso noticiou hoje na sua edição "on-line" a chegada sábado do novo submarino
................
 O segundo submarino comprado por Portugal foi recebido provisoriamente em Dezembro na Alemanha.   O 'Tridente', primeiro submarino encomendado por Portugal à empresa alemã Ferrostaal a ser entregue, chegou a Portugal em Agosto do ano passado.  A aquisição dos dois submarinos custou a Portugal cerca de mil milhões de euros.   À semelhança do Tridente, a guarnição do Arpão conta com 33 militares, dos quais 7 são oficiais, 10 sargentos e 16 praças.    O submarino atinge uma velocidade máxima de 20 nós e tem uma autonomia máxima de 45 dias, possuindo "capacidade para lançar mísseis, de defesa aérea e luta de superfície, capacidade para lançar torpedos, de luta de superfície e subsuperfície", refere a Marinha portuguesa.
António Garrochinho

Sexta-feira, 29 de Abril de 2011


PORTUGAL PREPARA NOVO ACORDO ORTOGOGRÁFICO

Depois do Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa começar a entrar (paulatina mas não docemente) no nosso quotidiano, Portugal começa já a pensar num novo acordo ortográfico.

Pensarão alguns: entretanto o português do Brasil já mudou tanto que lá temos que ceder a mais umas quantas alterações. Não, por enquanto não se trata disso.

O novo acordo ortográfico vai ser celebrado com a Commonwealth (comunidade de países com relações históricas com o Reino Unido e onde se fala, sobretudo, o inglês). O objectivo, tal como aconteceu em relação ao acordo que fizemos para ficarmos todos a falar “brasileiro”, é introduzir (sem tradução) os milhares de palavras em inglês que usamos no nosso dia-a-dia. Basta “passarmos” pelas áreas da informática ou da economia/gestão (para não mencionar outras) e reparamos que já quase não utilizamos vocábulos portugueses.

Vou apenas enumerar 20 palavras inglesas que usamos naturalmente, mas os nossos leitores facilmente poderão acrescentar mais umas quantas na caixa de comentários: download, franchising, chip, bit, backup, catering, check-in, design, bug, cocktail, bulldozer, flash, doping, jeans, hardware, email, holding, ketchup, fax, kit
O homem das tabernas.

Simpatizante, inscrito, mas sem pagar quotas !







O candidato presidencial e fundador da AMI inscreveu-se em 1993, mas nunca pagou as quotas. Não obstante, a Causa Real conta com ele

O candidato presidencial e fundador da AMI, Fernando Nobre, é um dos mais de dez mil portugueses filiados na Causa Real. Nobre filiou-se em Lisboa no início de 1993, mas nunca chegou a pagar qualquer quota. Nem a primeira. “Continua a ser nosso filiado”, disse ao Expresso uma fonte da Real Associação de Lisboa, onde Nobre tem a sua ficha de inscrição. “Nunca nos comunicou a sua desistência, nem veio levantar o boletim de filiação. Portanto, ainda consta dos nossos ficheiros”. Simpatizante do regresso de um regime monárquico para Portugal e filiado há 17 anos, Fernando Nobre manifestou-se indisponível para falar ao Expresso sobre o assunto. Há muito anos que o candidato à mais alta magistratura do Estado se assumiu como simpatizante. Já em Fevereiro, numa entrevista dada à revista “Sábado”, Fernando Nobre confirmou ter pertencido à Causa Real, mas diria também que agora era apenas simpatizante, acrescentando: “A História de Portugal não começou em 1910. Temos quase nove séculos de Historia. Vamos apagar oito e olhar para os últimos 100 anos?”.

Apesar desta filiação. Nobre afirmou mais recentemente em entrevistas ao “DN” e à TSF que era uma inverdade ser monárquico. É sim republicano. A verdade é que a sua inscrição como filiado da Causa Real se mantém intacta e jamais foi reclamada.

Fernando Nobre é também presidente da Assembleia Geral (com o mandato suspenso) do Instituto da Democracia Portuguesa (IDP), um organismo de reflexão que é assumidamente “simpatizante de uma monarquia democrática”, referiu ao Expresso Mendo Castro Henriques, presidente da instituição. O instituto tem, aliás, no pretendente ao trono o seu presidente de honra e dos seus órgãos sociais fazem parte outros monárquicos, como o arquiteto Ribeiro Telles ou Diana Álvares Pereira de Melo, duquesa de Cadaval.

Fernando Nobre partilha também o gosto por ideais maçónicos da mais importante corrente portuguesa, o Grande Oriente Lusitano (GOL). A iniciação de Nobre aconteceu em Viseu.

Fonte: Expresso nº 1972 de 14 de Agosto de 2010, p. 15