AVISO

O administrador deste blogue
não é responsável pelas opiniões
veiculadas por terceiros
nem a sua publicação quer dizer
que delas partilhe, apenas as
publica como reflexo da
sociedade em que se inserem
dando-lhes visibilidade
mas nunca fazendo delas opinião própria.
Ao desenvolturasedesacatos reserva-se ainda o direito
de eliminar qualquer comentário anónimo ou não identificado, que contenha ataques
deliberadamente pessoais, que em nada contribuampara o debate de ideias ou para a denúncia
de situações menos claras do ponto de vista ético.


segunda-feira, 14 de março de 2011

verdades

Os funcionários não funcionam.
Os políticos falam mas não dizem.
Os votantes votam mas não escolhem.
Os meios de informação desinformam.
Os centros de ensino ensinam a ignorar.
Os juízes condenam as vítimas.
Os militares estão em guerra contra seus compatriotas.
Os policiais não combatem os crimes, porque estão ocupados cometendo-os.
As bancarrotas são socializadas, os lucros são privatizados.
O dinheiro é mais livre que as pessoas.
As pessoas estão a serviço das coisas.

Eduardo Galeano (O Livro dos Abraços)

OURO DE HITLER: DESCOBRINDO O HEIST O MAIOR BANCO E O OURO DESAPARECIDO. ALGUM DELE FOI ENCONTRADO EM PORTUGAL

Ouro de Hitler: Descobrindo a Heist maior banco em História

nazi gold

Entre o caos do colapso do império de Hitler, em Abril de 1945, o maior assalto da história ocorreu. barras de ouro, jóias e dinheiro roubado com um valor estimado de 3,34 bilhões dólares americanos desapareceram dos cofres do Reichsbank, na Alemanha.

Reichsbank, em Berlim 1933
Reichsbank, Berlin
Imagem Arquivo Federal Alemão
Nas décadas seguintes pequenas quantidades desta fortuna apareceram em Portugal, Suíça, Turquia, Espanha e Suécia, mas a maioria continua desaparecido. Em todo o mundo as equipes de busca para procurar esse tesouro perdido eo prêmio supremo do lendário Amber Room, uma aquisição de St. Petersburgo durante a Segunda Guerra Mundial, que se acredita ser um quarto totalmente moldados em ouro e âmbar. Depois de 60 anos a maior parte dessa fortuna ainda não apareceu, então apenas onde está o ouro falta de Hitler?

1. Enterrado em Deutschneudorf, Alemanha?

Preciosidades de Hitler
hitlers loot
Image: Arquivo Nacional Uma das crenças mais populares atrás do paradeiro de ouro falta de Hitler é que ele está enterrado no Deutschneudorf, Alemanha e que a famosa Sala de Âmbar é escondido entre as minas de cobre em ruínas na região. Como os aliados aproximou Berlim e tornou-se claro que a Alemanha não estava indo para vencer a guerra, o mito diz que Hitler ordenou uma Operação Pôr do Sol, onde confiável oficiais nazistas esconderam enormes quantidades de ouro e outros tesouros de arte assorted nas cavernas ao redor da área Deutchschneudorf .
Replica Amber Room
amber room
Imagens: via , A enciclopédia livre
A esperança era de que este espólio seria usado para financiar a reconstrução do exército alemão depois da guerra. Apesar da atenção da mídia mundial em fevereiro de 2008, onde o caçador de tesouros alemã líder na cena era de 90% de certeza de que tinham localizado o Quarto de ambar e até dois tons de ouro faltando pouco veio à tona. Então, antes de ir para Deutschneudorf com sua picareta ter certeza que você vai ser feliz com a possibilidade de encontrar cobre.

2. Na parte inferior da Töplitz Lake, na Áustria?

toplitzsee
Imagens:Planete Home
O sereno e belo Lago Töplitz nos Alpes austríacos é pensado para ser uma outra localização possível para o ouro nazista desaparecido, e desde 1947 até os dias atuais exploradores procuraram nas profundezas ,para as riquezas do Reich. Lago Topiltz tem sido considerado o dumping possível local da fortuna, porque o alemão altos oficiais se retiraram para essa área, como os aliados rapidamente movido pela Alemanha. Como as forças dos EUA rapidamente se aproximou pensa-se que os oficiais alemães transportadas caixas grandes, por caminhão e de charrete até a borda do lago, e afundou-los para a 107 metros (350 pés) de profundidade do lago.
O problema é que até hoje ninguém sabe o que foi nessas caixas. A antiguidade dos oficiais alemães envolvidos e localidade para o Eagles Nest Hitler, levaram muitas pessoas a acreditar que este é o local de despejo do famoso ouro nazista. No entanto, apesar de anos de pesquisa, a única coisa que se descobriu foi através de uma pesquisa pela revista alemã Stern, que encontrou R $ 72 de libras esterlinas forjados moeda, parte de mestre do plano de Hitler para enfraquecer a economia britânica. Acredita-se que o tesouro ainda pode ser secretado longe nas profundezas do Lago Topiltz mas porque no fundo do lago está cheio de uma grossa crosta de logs que ele acreditava que a descoberta de qualquer coisa seria muito difícil.

3. Foi escondido por General Franco em Espanha?

general franco and hitler
Imagens: Relatório de Bleach e The Olive Press Em 1993, Trenton Parker, um veterano agente da CIA, afirmou na Radio Free America, que ele sabia o que aconteceu com o tesouro perdido de Hitler de ouro. Parker afirma que o ouro foi embarcado para a Generalíssimo Franco, porque era um acesso maior e ponto de saída para a Alemanha. Segundo Parker, o ouro foi transportado para a Espanha ano anterior e foi mantida sob o olhar atento de Franco até sua morte, quando o encerramento do canal de Suez e outros fatores tornaram-se moeda de troca para os corretores de potência comercial este ouro.
Parker afirma que Hitler era de ouro virouKrugerrands falsificados e vendidos em todo os Estados Unidos da América. Então, novamente, Parker reputação Trenton como a gasolina para o fogo teórico da conspiração precede-se e ele parece conhecer todos os segredos sobre os acontecimentos mundiais nos últimos 50 anos, incluindo a " atribuição da CIA JFK ". Se o amplamente questionada Parker está de facto correcto o seu anel de ouro ou colar pode ser apenas que perdeu o ouro nazista.

4. Depositado em As Ilhas Auckland?

auckland islands
Imagens: Barry Parker e NASA. A crença de que o ouro poderia ser nas ilhas Auckland é mais boato e mito do que realidade. Aparentemente, um único nazista U-Boat com grandes caixas de jóias, ouro e prata chegaram nas ilhas Auckland em 1945. Acredita-se que o ouro foi enterrado nas Ilhas vez afundado, como foi alegado o comando, mas o fato de que nada apareceu para validar esta como uma teoria racional sugere que é mais lenda do que verdade. Além disso, o raciocínio atrás apenas da crença de que o ouro é, de facto, dispersos entre as Ilhas Auckland é que as torres de vigia na área já foram utilizadas por soldados nazistas. Então, se você é um ilhéu atual, não tenha muitas esperanças de encontrar imensas riquezas a qualquer momento em breve!

5. Escondido em bancos em todo o Mundo?

Nota Reichsbank
reichsbank note
Embora seja do conhecimento comum que grandes quantidades de bens nazistas comandados, especialmente o ouro, passaram por bancos suíços durante a Segunda Guerra Mundial, relata-se até 409 milhões de dólares em ouro foi compradapor bancos suíços durante o controle de Hitler sobre a Alemanha. No entanto, os suíços não são o único país acusado de receber ouro nazista durante a guerra. Entre os países que terão alegadamente recebido fundos do nazismo são: Suécia, Portugal, e até mesmo o Vaticano. Embora, num país após outro relutantemente abriu as suas contas, não é claro quanto ouro está em questão e onde ele poderia ser.
O Vaticano tem se recusado a abrir as suas contas ao público, e uma ação de classe por "sobreviventes do Holocausto , originalmente apresentado em 2000 e demitido em 2007, sobre a base da imunidade soberana, tem de escritor línguas conspiração abanando.

6. Mantido pelas tropas de Hitler?

hitler and his art
imagens CORAÇÃO e mental floss. O fato é, o dinheiro em falta de Hitler não poderia ter desaparecido no ar, e enquanto as teorias de conspiração são abundantes o fato de que ninguém foi localizado 3,34 bilhões dólares em falta espólio sugere que quem sabe do seu paradeiro - e deve haver alguém que sabe - não está falando.
Apesar de todas as teorias da conspiração em torno da história, o desaparecimento das fortunas de Hitler, provavelmente é menos complicado do que muitos gostariam que você acreditasse. Enquanto as tropas de Hitler pode ter sido dadas ordens para enterrar a generosidade em minas ou colocá-la em lagos, empresarial oficiais nazistas que realizaram a guerra foi além da recuperação pode simplesmente ter difundi-la entre as suas tropas ea si mesmos. Assim como provável ou improvável, um grupo de soldados aliados poderiam ter vindo em toda a muamba e pensei que era o seu dia de sorte. No entanto, não há evidência substancial para apoiar qualquer uma dessas afirmações acima. O que sabemos é que 3,34 bilhões dólares no valor do tesouro não simplesmente desaparecem

INDIGNAÇÃO SILENCIADA NA ISLÃNDIA

Lá em cima, quase no extremo norte do Mundo, no último andar, à esquerda, vivem uns seres humanos, normalmente loiros, algumas vezes, altos; muitas vezes, com olhos claros. Que, talvez por causa do frio, não param quietos, se incomodam, refilam e não se resignam: são os islandeses.
Filhos de deus, como nós, aqui há uns tempos (ainda se lembram?), foram vítimas da tentação consumista do sistema e, sobretudo, dos Bancos e agências de rating crapulosas e parasitas que nada produzem; objectos e bode expiatório da cólera de um deus menor, os islandeses foram atingidos pela implosão de um vulcão de nome esquisito e bíblico e, quase pior do que isto, pela bancarrota virtual. Para além da agiotagem "marcana" e daqueles rapazitos anoréxicos da Moody's, da Standard & Poor's e quejanda tropa fandanga do Universo, que estavam a morrer de tédio e sem nada para fazer de útil (ou inútil), a Islândia foi atingida pela insolvência, decretada pela ditadura económico-financeira mundial. Ultimamente, no entanto, deixou de se falar dos islandeses. Mas eles reagiram, positivamente, do seu sótão alto e frio, só que quase ninguém tem conhecimento disso. Estão irrequietos, atentos e vivos, até pelos sacrifícios e ignomínia a que foram sujeitos.
Será que o Google dá alguma pista sobre isso? Não.
A Associated Press tem informado? Também não.
A Reuters refere os acontecimentos recentes na Islândia? Não.
A Lusa fala deles? Claro que não.
Mas a sociedade civil islandesa não está quieta e mexe. Primeiro afastou o Governo, e votou outro de centro-esquerda. Depois, em referendo, aprovou que os Bancos não fossem reembolsados das "falcatruas" que provocaram. E, mais importante ainda, foi criada uma Assembleia Constituinte de 25 membros para reescrever a Lei fundamental islandesa, que data de 1944.
Já agora e em tempo, alguém saberá de uma insubordinação generalizada da sociedade civil, no estado americano do Winsconsin? Alguém estará devidamente informado sobre isto? As agências calaram-se que nem ratas. Os rapazitos das agências de notícias não sabem de nada. E os preclaros anoréxicos dos ratings estão entretidos, e deliciados, a fatiar o queijo flamengo do Euro. Porque, se não fosse isso, com certeza que já teriam declarado o Winsconsin insolvente, tinham-lhe baixado a nota, e reprovavam-no, no exame.
para ms.
Pub. APS
blog. Arpose

16: Moments



COISAS DA VIDA - CELEBRAR A VIDA !

UNIDADE - ORGANIZAÇÃO - LUTA

“Geração alerta” – Dia 19, alto e bom som!


Uma coisa que eu gostaria de ver, agora que tantos milhares de jovens provaram o gosto de uma grande manifestação, uma coisa em que grande parte nunca tinha participado, e a adrenalina da luta, coisa em que muitos nunca tinham sequer pensado... seria muito bom ver uma boa fatia deles a fazer um esforço para identificar corretamente os seus verdadeiros adversários e a dar um rumo e uma organização aos seus sonhos e reivindicações.
Embora uma semana apenas, seja um tempo demasiado curto para digerir uma grande experiência - como foi esta jornada da chamada “geração à rasca”- e começar a organizar um pensamento e uma acção... gostaria muito de ver muitos destes manifestantes a desfilar na rua, no próximo dia 19, ombro a ombro com gente que há muitos anos não se furta ao combate, gente que sempre esteve do seu lado e que, em tantos e tantos milhares de casos, não está menos “à rasca”...
Ah... e outra coisa que gostaria muito, mas mesmo muito (e parece que sou acompanhado pelo “Cravo de Abril”)... era de ver, durante estes poucos dias que nos separam dessa jornada de luta do dia 19, uma cobertura mediática e uma promoção da manifestação, por parte dos órgãos de comunicação social, pelo menos parecida com a extraordinária promoção e cobertura que foi dada a esta manif do passado dia 12.
E assim, num pequeno texto que até agora vai apenas em 239 palavras, podem os meus amigos e amigas apreciar a tremenda instabilidade do meu pensamento: de um momento para o outro, passo dos sonhos realizáveis dos dois primeiros parágrafos, para uma fantasia perfeitamente irrealista... mesmo tola... no terceiro. Saúde-se a lucidez do quarto!
 
PUB. por SAMUEL - bLOG  O  CANTIGUEIRO